Trindade do Sul

Gnome-searchtool blue.png Trindade do Sul é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Judas perdeu as botas aqui.

Sciences de la terre.svg.png

Cquote1.svg Você quis dizer: Mato Cquote2.svg
Google sobre Trindade do Sul

Trindade do Sul é um mato que tem ali no meio dos municípios no Rio Grande do Sul, precisamente na região de cima, em que há um bando de canibais morando. Essa é Três Passos Trindade do Sul, cidade repleta de belas cachoeiras com 3 centímetros metros de altura!

EmancipaçãoEditar

 
Habitantes canibais de Trindade do Sul, prefeito, vice prefeito, zelador (a terceira entidade mais importante do município) e um estagiário, sorrindo em uma foto.

Trindade do Sul começou num vilarejo em torno da lagoa de águas límpidas que nos meados da década de 90 foi aterrada para a construção da sede administrativa do município, vulgo prefeitura. João Trindade o maior borracheiro e dono de um bar atendia aos passantes vendendo secos e molhados, especialmente pinga, mandioca, milho e açucre. Pode-se dividir o município em dois: a leste com latifúndios de proprietários falidos pelo cultivo de soja e que atualmente vendem uma gota de leite par aos laticínios. Conhecido por Passo do Lobo e confins. Sua produção agrícola é comercializada no município vizinho de Três Coqueiros (palmeiras) gerando icms par ao mesmo. É desejo dos moradores dessa localidade do município seu desmembramento e anexação ao município de Três Coqueiros. Também é a comunidade mais atendida em termos de infraestrutura pela administração municipal.

Ao Noroeste do munícipio os habitantes sobrevivem do cultivo sobre as pedras. São as comunidades mais bem atendidas em termos de infraestrutura, especialmente quanto a pavimentação das estradas, visto a grande abundancia de matéria-pedra na região. Possui características da região nordeste do Brasil. A cidade é habitada por jovens bêbados e drogados que estudam em Chapecó, é conhecido o desfile de passatões no fim de semana. Com a expectativa de implantação do frigorifico, que criou a expectativa da cidade se tornar uma Chapecó da vida. A população do município aumentou estrondosamente, e com ela, o número de furtos e homicídios. Foi o único município do Brasil que foi criado e emancipado em 15 de dezembro de 1987 e comemora o dia do município no dia 20 de setembro.

AtualmenteEditar

A tribo de canibais, mais conhecidos como Trindade do Sulenses, estão esperando pacientemente o nome da cidade aparecer no Atlas que eles tem lá na tribo, fazem dança da chuva entre outras coisas mas ainda não apareceu o nome que eles queriam que aparecesse: "Lar dos pintos". Provavelmente o cara que foi lá não tinha levado esse nome tão a sério, já se sabe o porquê.

Já os colonos habitantes do município sobrevivem da extração de leite, do cultivo de pedras das comunidades de Campina de Pedra I e II, das hidrelétricas do rio Baitaca e do Passo do Lobo e das grandes produções jornalísticas da cidade através de boatos e fofocas.

EcoturismoEditar

A desculpa usada pela maioria das cidades que não possuem o que chamamos de turismo ou turistas. A cidade então apela para o Mato mesmo, mas há milhares de outras cidades com "mato" e que também adotam o "ecoturismo". Já ouviu falar do ecoturismo de "Palmeira"? Pois é a mesma coisa que ficar falando do ecoturismo de Trindade do Sul.

Afinal, legal de Trindade do Sul é passar por ela, não entrar nela e ficar em um hotel, isso se houver um.