SeR ₳FrICa É SeR cOmOo Um eLeFAnTe ArRoGaNtE, sE AlGuÉm Te dEr UmA BaZuCa o TiRo MoRrEEeeeEEeeE

Ouça em volume máximo e seja feliz.

O telefone falante filósofo do Toy Story é uma criatura inacreditavelmente e perigosamente inteligente. Nascido mais ou menos em 2018 na mente degenerada de algum vagabundo de meia-idade que provavelmente grava vídeos para o YouTube, o tal brinquedo já ensinou muitíssimos gafanhotos ignorantes que necessitavam de sua sabedoria, transmitindo seu conhecimento sobre modéstia e principalmente como se defender de tiros de bazuca lançados por elefantes africanos, até porque ser um tiro é como ser uma África bazucante, se alguém te elefantar você arroga.

Ser morto é igual levar um tiro de arrogantes, se alguns são elefantes você é a África.Editar

 
A serenidade na expressão de um ser que atravessou milênios perseguindo a verdadeira iluminação

Há alguns anos, o famoso militante do ISIS e maior pesadelo de boomers que descem a porrada em seus filhos baitolas, Lucas Inutilismo, costumava ir até ao Grand Canyon semanalmente para inalar o pó que o vento do deserto trazia, e literalmente transcender em vídeos repletos de ensinamentos e muita decepção de seus pais, que mal podiam suportar ver seu rebento agir como um perfeito idiota sob o efeito daquele pozinho dourado mágico. Com aquele estilo podre de gravação do Matheus Canella fazendo sucesso pra cacete no YT, onde o indivíduo sofre uma overdose pesada de metanfetamina líquida importada do Paraguai há cinco anos e se torna um completo retardado que fala de assuntos aleatórios e constrangedores em uma medida que causa grande ânsia de dar o cu para uma motosserra por três horas seguidas ao som de Victor e Léo, o seu pai e melhor amigo Luquitas estava utilizando esse mesmo estilo e pelo visto fez algum sucesso, já que os animais irracionais que assistem esse cara não têm nenhum senso de humor decente.

Pois bem, é de conhecimento geral que Lucas dá um belo tapa na macaca antes de gravar seus vídeos, mas o pó desértico que havia inalado naquele dia estava repleto de pedacinhos de bosta e gotículas de sêmen de camelos, o que deu uma boa reviravolta em seu estômago sistema nervoso central. Com seu senso de realidade um pouco defasado, Lucas havia convidado o seu mais novo amigo para gravar juntos: o tal telefone filósofo. Um drogado idiota e uma ilusão de sua mente filósofa eram perfeitos para uma das maiores demonstrações de sabedoria que fez até os antigos sábios da humanidade sentirem uma puta dor no cu em seus respectivos túmulos:

 Ser arrogante é como ser um elefante na África. Se alguém te der um tiro de bazuca você morre 
Auto tune Telefone do Toy Story

No que essa fração líquida de puro raciocínio racional se afastou dos lábios de plástico do dito telefone e alcançou os sistemas auditivos das criaturas que passam 24 horas do dia na frente do computador assistindo shitpost no YouTube, foi criada uma verdadeira religião que venerava toda essa sagacidade, e algumas rezas-brabas de fãs e pretos-velhos que temiam pela sanidade mental do Lucas.

O que a frase significa?Editar

Não há como compreender todas essas ideias embutidas em apenas 72 caracteres fenícios, de primeira. As mentes humanas são beem primitivas pra poder processar essa quantidade de informações (tipo os lags bizarros do caminhão de bugs que se chama Win10). Então, vamos por partes:

  • Ser arrogante...
     
    Se você levar um tiro de bazuca você morre. Por mais inacreditável e irrealista que essa frase possa parecer, é a verdade.
Já podemos inferir, dessas palavrinhas, que o mestre telefone lansará a braba e vai soltar uma crítica foda em cima de gente que se acha foda pra cacete. Isso resume bem a perspicácia desse gênio incompreendido, que tenta consertar totalmente os caminhos que a humanidade traça em cima de valores distorcidos. Como as gerações que se sucedem na linha evolutiva do tempo sempre crescem com uma mentalidade um pouco diferente da anterior, os pais sempre tentam passar seus ensinamentos valiosos aos descendentes, ao menos tentando evitar que eles se tornem crackudos que sabem de porríssima nenhuma a não ser acender um daqueles velhos cachimbos da vovó para ascenderem ao Nirvana e foder totalmente com seu sistema nervoso (e seus dentes). However, os jovens costumam ser rebeldes para pagarem de chad na frente dos seus amigos espinhudos, e agem com uma arrogância hilária que quase sempre fode com eles no futuro. O ensinamento do grande telefone trata exatamente desse tema.
  • ...é como ser um elefante na África.
O mestre demonstra grande repertório educacional ao comparar jovens desrespeitosos com seus pais a elefantes africanos, numa "pesada" referência que faria qualquer Capitão América sentir um puta comichão nos sovacos para querer afirmar que pegou a tal referência. De acordo com a Wikipédia, elefantes-africanos pertencem ao gênero Loxodonta, cujo macho atinge, em média, 3,2 metros de altura e pesa 6 toneladas, o que o torna o maior animal terrestre existente. Ou seja, obviamente há uma crítica social foda ao colocar a arrogância dos ditos jovens da atualidade em paridade com o tamanho do animal. Em resumo, o ego de um adolescente é equivalente ao peso e chatice de um elefante, já que incomodam muita gente.
  • Se você levar um tiro de bazuca...
Aqui são tratados com muita seriedade temas "pesados" como as guerras no continente africano, que levam quase todos os seus países ao caos social e à pobreza extrema. Com certeza a arrogância de alguém o levará à ruína se seguir por esse caminho, o que é comparável à mortalidade causada por essas guerras, já que para cada africano morto é uma boca a menos para alimentar. Além disso, uma bazuca é um tipo de arma extremamente destrutivo, muitíssimo usado para diminuir a quantidade desses pesos mortos em guerras de território. A arrogância extrema de uma pessoa é tão prejudicial a ela mesma quanto um tiro de bazuca, embora haja grandes chances de pedaços do seu corpo serem espalhados em três continentes diferentes com um singelo torpedo dessa belezura. O que não torna a arrogância um mal menor.
  • ...você morre.
Por fim, é tratado o assunto da efemeridade da vida. Como diria um certo indivíduo, a vida passa. Nem que seja por cima de você, mas passa. Até mesmos os grandes e imponentes elefantes africanos não resistem a um balaço de bazuca no meio do seu gordo bumbum, que dirá um zé ruela franzino como você. Aqui percebemos que de nada vale a arrogância do ser humano, já que no fim todos seremos explodidos por tiros de bazucas lançados por elefantes terroristas.
  GEISAAAAAAAA, algum usuário bateu a cabeça!

Agora tá na Desciclopédia escrevendo merda sem sentido!
Chama o manicômio caralho!