Super clones.jpg
OSaban é um CLONE!O

...e é mais defeituoso que o original (ou não).

Shadow clones.jpg


Japoneses: Meses elaborando grandes produções Super Sentai; Ianques: "vamo copiar, mas fazendo diferente..."

Saban, também chamada de Saban Entertainment, Saban Productions, Saban International e Saban Brands, LLC, mas também conhecida como Sabantagem, Sabanizadora ou Sabosta, é uma empresa controlada pelo egípcio safado Haim Saban com o intuito de produzir diversos seriados para os EUA. Bom, pelo menos essa era a ideia em 1984, ano em que essa produtora deu as caras no mundo, e de fato ela produziu umas coisinhas próprias delas, tudo de qualidade questionável e nomes esquecíveis, tão esquecíveis que não me recordo nenhum no momento.

Mas aí eles tiveram a sacada mais genial e safada do planeta, ao verem como os americanos e boa parte do planeta eram viciadas em tokusatsus, com o sucesso absurdo das produções japas, por mais toscas e bizonhas que estas fossem. Vendo uma mina de ouro ante ele, ainda em 1992 a Saban fez um puta acordo com a Toei Animation que lhes possibilitou praticamente exclusividade em transmitir quase todas as porras de séries japas no Ocidente. Só que, bem, não exatamente do mesmo jeitinho que elas eram exibidas no Japão, ou seja, a Saban meio que deu uma "azeitada", uma "ocidentalizada" nas produções. Ou, como acabou popular mesmo entre quaisquer fãs puristas radicais de tokusatsus, deram uma "sabanizada" nas séries, a começar pela franquia mais popular e fodida deles, Power Rangers, que, tal qual os Super Sentai que eles chapinham ano após ano, virou uma série mais longa que Malhação, mesmo a um tempão as temporadas não terem mais porra nenhuma a ver umas com as outras.

Com o sucesso dos Go Go Power Rangeeeeeeeeeeeers, a Saban se empolgou e tratou de converter para uma versão ocidental outras séries, mas o resultado foi bem tosco pra dizer o mínimo...

Ver tambémEditar

Este artigo é ridiculamente pequeno e imaturo.
Ajude esta porcaria a amadurecer!!