Júpiter Maçã

Emblem-sound.svg Júpiter Maçã
Júpiter.jpg
Júpiter Maçã/Jupiter Apple
Nome Flávio Basso
Origem Bandeira do Brasil Brasil
Bandeira do Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul Porto Alegre
Sexo Masculino
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.svg
De caixa de fósforos à harpa
Gênero Contemporâneo
Influências O louco esquizofrênico, os chapados e o plagiador
Nível de Habilidade Man
Aparência Travesti esquizofrênico
Plásticas No couro cabeludo
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Todos
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg
EmoTV

Cquote1.svg Você quis dizer: Marte Banana Cquote2.svg
Google sobre Júpiter Maçã
Cquote1.svg Você quis dizer: Saturno Pera Cquote2.svg
Google sobre Júpiter Maçã
Cquote1.svg Você quis dizer: Plutão Uva Cquote2.svg
Google sobre Júpiter Maçã
Cquote1.svg Você quis dizer: Mercúrio Morango Cquote2.svg
Google sobre Júpiter Maçã

Júpiter nos tempos áureos
Não! Não é a sua vó

Júpiter Maçã é o codinome de Flávio Basso; gaúcho, ídolo de todos maconheiros/alternativos/gays de Porto Alegre, é ex gay, viciado em LSD Cantor e compositor da banda Cascavelletes, que influenciou fortemente as letras do Funk Carioca. Atualmente está preparando um álbum duplo para os 15 fãs, remasterizado na Abbey Road junto com os Beatles no Inferno.

BiografiaEditar

Júpiter Maçã nasceu em Porto Alegre, no início do século XIX. Quando adolescente, cansado de bater punheta, formou a banda TNT junto com seus amigos Charles Master e Nei Van Soria. Como já era de se esperar, Júpiter (ainda Flávio) e Nei foram chutados da banda por suas letras fazerem apologia ao sexo, peodifilia, zoofilia, drogas, terrorismo e outras coisas legais.

A partir daí, formaram os Cascavelletes junto com Frank Jorge (que os abandonou ao perceber que sua nova banda fazia mais sucesso).

Antes da metade da década de 90, o grupo teve, finalmente, seu fim. Foi aí que Flávio resolveu soltar a franga e virar Júpiter Maçã.

O que fez e o que fazEditar

  • Seu primeiro trabalho como Júpiter Maçã foi "A Sétima Efervescência", álbum onde ele tenta ser Syd Barret e agradar os malucos viajões que invadem o Parque da Redenção aos domingos. É aí que surge seu principal hit: Um Lugar do Cacete. Até então tocando relativamente bem.
  • Ainda na década de 80, cantou no Clube da Criança da Angélica a música mais do que apropriada para as crianças "Eu quis comer você".
  • Depois disso, se muda para a Europa, troca o nome para "Jupiter Apple" e passa a compor em inglês. Tudo isso pra parecer mais cool e agradar o povo emo e moderninho que invade o Parque da Redenção aos domingos. Os álbuns lançados são: Plastic Soda e Hisscivilization.
  • Pelos idos de 2006, volta a ser "Maçã" e solta a franga de vez. Lança o disco "Uma tarde na fruteira" (uui) e mostra seu lado sensual, erótico e escatológico através de canções legitimamente brasileiras e experimentos de viadagem. Seu novo hit, "A Marchinha Psicótica de Dr. Soup", vira a sensação entre os emos enrustidos que usam calça grudada no rego e invadem o Parque da Redenção aos domingos.
  • No dia 19 de julho de 2012, ficou tão chapado que quis sair de casa pelo segundo andar do prédio que morava.
  • Morreu em 2015, aos 47 anos.

Da lama ao caosEditar

 
Não! Não é a sua vó (2)

Após ser internado 347 vezes por problemas com bebidas alcóolicas e cheiramento de gatinhos, seus fãs desesperados passaram a desacreditar em seu talento, fazer promessas, acender "velas", dar o cu e vaiá-lo nos shows. Sua aparência começa a degradar e vai ficando cada vez mais com cara de travesti aposentado, rebolando e fazendo fiasco nos shows, exatamente como o Serguei.

Mas quando todos achavam que o fim estava próximo, eis que Mr. Apple passa por uma desintoxicação, raspa a cabeça e surge com um visual semelhante ao do Tiririca, fazendo um show intimista e cantando em tons graves e másculos.

DiscografiaEditar

  • Jupiter Maçã e os Smurfs (1994)
  • A Sétima Efervescência ENO (1997)
  • Plastic Soda Antarctica (1999)
  • Hisscivilizeichon (2002)
  • Jupiter Apple & Bibmo: Bicher (2007)
  • Uma Tarde de Orgia na Fruteira (2008)


E agora mais um exemplo da grande inteligência do Júpiter, conversando com outro gênio da música, Rogério Skylab, numa entrevista sóbria e muito edificante.

Opiniões sobreEditar

  Bah! É o cara mais afudê desse planeta! Tri psicodélico!  
Magro do Bonfa

  Caralho, o Skylab é normal perto desse louco!  
Você

  Mas isso é uma bichona!!  
Seu pai sobre Júpiter Maçã

  Cool  
Adolescente virgem ao ouvir a Marchinha Psicótica

  Falei com minha sombra, tem vida própria sim  
Júpiter Maçã tendo alucinações

  Gente, adoro essa BANDA  
Patricinha sobre Júpiter Maçã

  Não é mais o mesmo, saudades de 97  
Fã poser inconformado

  Quando você der para outro cara lembre-se que alguém se masturba!  
Júpiter Maçã fazendo uma ode à sua mão direita