Abrir menu principal

Desciclopédia β

Uprising

Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg

Babel fish.gifTraduzindo: Rebelião
Babel Fish sobre Uprising
Cquote1.svg Opa, é nossa música! Cquote2.svg
Presidiários sobre citação acima
Cquote1.svg They'll not force us! They'll stop degrading us! We'll be victorious! Cquote2.svg
Nerds sobre encarar quem os faz sofrer bullying
Cquote1.svg Corre caralho! Cquote2.svg
Mesmos nerds quando os caras chegaram

Uprising é uma música da banda britânica Muse, feita com o intuito de animar nerds e outros fracos em geral em brigas ou em rebeliões, vide o nome da música. Por isso há tantos so come on também no meio dela, pra ver se anima algum desses idiotas a fazer o que tanto querem: tomar porrada mas parecerem corajosos, assim tendo moral pra pegar ao menos mulheres feias.

Índice

HistóriaEditar

 
Matt Bellamy sofrendo o bulliyng. Hoje ele tem dinheiro, mas o cara que fez o bullying...

Matt Bellamy estava tranquilamente escrevendo músicas para o The Resistance, até um instante em que algo lhe veio à cabeça. O dia em que estava com uma camisa cuja estampa era uma bola vermelha com a inscrição feita com tinta guache provavelmente à dedo: LiFe FoR CyDoNiA, quando tinha 10 anos de idade e o recorde de 3 cabaços estourados por culpa de bullying.

Como ele estava trajado igual ao Jimmy Neutron (que pode ser também o cara que inspirou Neutron Star Collision), não demorou muito para um rolha de poço, provavelmente do tamanho de um armário (se você for gay logo imaginou o Mário nisso) aparecer e dizer: "Jimmy Neutron??? AAAAA EU GOSTO DELE!!" Hey, mané! Jimmy Neutron é o caralho! Meu nome agora é Zé Pequeno Vai tomar porrada porque tá vestido assim!.

Ele ainda teve a infelicidade de dizer que os ET's de Cydonia, que era aquele planeta na camisa dele, iriam pegar ele logo depois e ele iria ser desintegrado pelo Marvin, o marciano (po, errou o personagem de Looney Tunes....se falasse que o Taz que ia correr atrás dele o carinha ia correr pra caralho dali e deixar Matt em paz...). Tomou tantos socos na cara que até hoje ele deve ter algo roxo na face - mas a maquiagem salva (maquiagem de Cydonia é 50x melhor que qualquer coisa de Hugo Boss).

Alguns afirmam que dias depois o cara autor do bullying desapareceu misteriosamente e foi achada uma carcaça com restos de pele humana no meio de uma plantação e maconha trigo. Suspeitam que o pessoal do Muse tem algo a ver com isso. O The Killers também anda sob suspeita.

Então, depois disso, o que Matt fez?Editar

 
Retrato de um hospital que é perto de uma escola que viveu a rebelião de nerds que ouviram Uprising

Como ele sabe que nem todo mundo tem contato com Cydonia, ele decidiu arrumar um meio de empolgar outros manés a brigarem com o valentão e assim aumentar os lucros dos hospitais do mundo inteiro fazer uma revolução completa no panorama das escolas mundiais! Ou, fazer com que eles se sintam mais fortes e animados pra sonharem com isso. Bom, ao menos baixariam irregularmente comprariam esse single, e, dinheiro é o que importa.

Com isso, Matt e toda a sua raiva que lhe rodeou a alma decidiu escrever coeçando pela simpática estrofe: The paranoia is in bloom, the PR/ The transmissions will resume/ They'll try to push drugs/ Keep us all dumbed down and hope that/ we will never see the truth around. Bom, isso aí é pra aquele mané que é um nerd fracassado e que hoje trabalha num cubículo (filhadaputamente chamado de escritório) de uma empresa no setor de Relações sexuais Públicas.

Também está falando a rotina de quem sofre bulliyng, que as transmissões (de DST's) nos estupros seguiríam, que tentaríam empurrar drogas pra nós eles (de maconha até à garota mais feia da sala pra beijar), e que os fortões nunca saberiam da verdade: que os nerds um dia iam chorar no banheiro chamar a mãe chamar a polícia e/ou se vingar de algum jeito.

So come on

Segunda estrofe dessa bagaçaEditar

 
Matt iniciando uma rebelião consigo mesmo. Eis um auto-exorcismo.

E seguiu. Agora a segunda estrofe chega com os versos: Another promise, another scene, another/ A package not to keep us trapped in greed/ With all the green belts wrapped around our minds/ ...and endless red tape to keep the truth confined. Bom, isso aí seria outra promessa da professora, que isso não ia acontecer de novo até porque o carinha está na detenção, mas você apanha ainda mais porque deixou o cara na detenção. Um pacote com doces então foi a solução achada pela diretora da escola, sempre pra amenizar sua dor sem ter a ganância de se vingar do moleque, pois, como bem dia Seu Madruga, A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena. Mas você ficava com ganância em comer mais balinhas, enfim...Os cintos verdes no caso do Matt eram com fotinhos de ET's, mas, no seu caso provavelmente são azuis/laranjas pra imitar Naruto. Ou qualquer outro anime aí, cujo nome não importa.

So come on

  Hey, para com essa porra!  
Você

  Mas é a música!  
Eu

  FODA-SE!  
Você

    Okay...  
Eu, magoado com você

Agora vem o refrão. They will not force us/ They will stop degrading us/ They will not control us/ We will be victorious. Tá, típipo refrão que serve mais como um motivacional daqueles inúteis que você vê no seu trabalho, e, que seu chefe insiste em pensar que dará certo fazer você ver um vídeo pra ser mais produtivo. Se ao menos fosse pornô pra você ficar ao menos animado pra trabalhar...

O resto da música, e, não vou criar seções pra cada estrofe né?Editar

 
Sim, os nerds estenderam sua bandeira!!

Depois disso acho que vem outra estrofe, para encher linguiça assim como talvez eu tente fazer nesse artigo. Os versos Interchanging mind-control come let the/ Revolution take its toll if you could/ Flick the switch and open your third eye, you'd see that/ We should never be afraid to die, revelam que alunos de intercâmbio também sofrem bulliyng, não só do lugar em que está momentaneamente, como também do local de origem, ou seja, a tecnologia e a globalização já permitem até bullying à distância! Também conta que é pra todos os zoados usarem o relógio como Ben 10 usa para se transformar numa criatura qualquer com três olhos, sim, aaaahhh sim, meteria medo em qualquer um que se atravesse a bater neles, ou seja, ninguém precisaria ter medo de morrer.

Após se transformar em algum animal mais feio que sua mãe, os nerds (vide, você mesmo, e eu também), deveriam fazer o que Matt diz aqui: Rise up and take the power back, it's time that/ The fat cats had a heart attack, you know that/ Their time is coming to an end, we have to/ Unify and watch our flag ascend. Bom, era para os nerds seguirem os mandamentos de Bill Gates e tomarem o poder de volta (o pessoal da NET tinha roubado), era hora de se erguer e rir dos caras que os zoavam, até porque de tanto lanche que nós pagamos pra eles aquilo tudo faria entupir alguma artéria deles e eles morreriam, e, era a hora de estendar a bandeira do orgulho gay (bem, em alguns casos de nerds pode até ser) nerd. VIVA LA REVOLUCIÓN!!

Após isso, o refrão é repetido duas vezes, com vários HEY!, que pode ser o Muse chamando todos pra batalha, ou seja, será um genocídio de nerds. O Muse ainda colocou um monte de Ursinhos Carinhosos no clip oficial, bom, provavelmente porque seu apelido na infância tinha a ver com isso, ou, bom, enfim. Eles crescem dá-lhe viagra e viram gigastescas fontes de ácaro coisas assombrosas que põe medo em todos (ou não).

Consequência dissoEditar

O Muse ganhou dinhiero, os prontos-socorros também e os nerds depois dessa abandonaram o Muse, nunca mais querem os ouvir. Voltam a ouvir suas músicas tradicionais, provavelmente tema de algum anime ou de outro desenho animado, ou ainda, de algum jogo tosco. Mas, se for um Guitar Hero da vida, podem bater de frente com Knights of Cydonia, outra música do Muse, podem ter um ataque e quebrar o Playstation novinho. Ou seja, o Muse fabricou mais nerds com graves pitis emocionais. TENSO!

LetrasEditar

 
Bom, aí tem outro motivo pro Matt sofrer bulliyng...

Uprising

The paranoia is in bloom, the PR
The transmissions will resume
They'll try to push drugs
Keep us all dumbed down and hope that
We will never see the truth around

(So come on)

Another promise, another scene, another
A package not to keep us trapped in greed
With all the green belts wrapped around our minds
...and endless red tape to keep the truth confined

(So come on)

They will not force us
They will stop degrading us
They will not control us
We will be victorious

(So come on)

Interchanging mind-control come let the
Revolution take its toll if you could
Flick the switch and open your third eye, you'd see that
We should never be afraid to die

(So come on)

Rise up and take the power back, it's time that
The fat cats had a heart attack, you know that
Their time is coming to an end, we have to
Unify and watch our flag ascend

(So come on)

They will not force us
They will stop degrading us
They will not control us
We will be victorious

(So come on)

(Hey) x3
(Hey) x4
(Hey) x4

They will not force us
They will stop degrading us
They will not control us
We will be victorious

(So come on)

(Hey) x4

TraduçãoEditar

Rebelião

A paranóia está florescendo, as relações públicas
As transmissões prosseguirão
Eles tentarão empurrar drogas
Manter-nos estúpidos e esperar que
Nunca vejamos a verdade ao redor

(Então vamos)

Outra promessa, outra cena, outra
Um pacote para não nos manter presos em ganância
Com todos os cintos verdes amarrados em torno de nossas mentes
E a burocracia sem fim para manter a verdade confinada

(Então vamos)

Eles não irão nos forçar
Eles irão parar de nos humilhar
Eles não irão nos controlar
Nós seremos vitoriosos

(Então vamos)

Controle de mente por intercâmbio, venha deixar a
Revolução pagar seu tributo, se você pudesse
Balançar o relógio e abrir seu terceiro olho, você veria que
Nós nunca deveríamos ter medo de morrer

(Então vamos)

Erga-se e tome o poder de volta, é hora de...
Os gananciosos tiveram um infarto, você sabe que
O tempo deles está chegando ao fim, nós temos que
Unirmos e assistir à ascensão de nossa bandeira

(Então vamos)

Eles não irão nos forçar
Eles irão parar de nos humilhar
Eles não irão nos controlar
Nós seremos vitoriosos

(Então vamos)

(Oi) x3
(Oi) x4
(Oi) x4

Eles não irão nos forçar
Eles irão parar de nos humilhar
Eles não irão nos controlar
Nós seremos vitoriosos

(Então vamos)

(Oi) x4

VídeoEditar