Abrir menu principal

Desciclopédia β

Terra Nostra

Datena imagens.png ME DÁ AS IBAGENS! Eu quero ibagens!!!
Este artigo possui poucas ou nenhuma ibagem o ilustrando. Por favor considere adicionar novas ibagens para impedir que o Datena tente te processar!
Macarraopre.jpg PORCA GIUSTIZIA!!

Questo articolo è 100% made in Italia ed è sotto il controllo di Cosa Nostra! Perciò sta' bene attento a dove metti le tue manacce zozze o i nostri amici verranno a casa tua per spezzarti le gambine!


A90.jpg

Este artigo discute coisas intrínsecas aos Anos 90's!
Se você NÃO teve infância naquela época, com certeza você está no Facebook ou no Whatsapp neste instante.

Winner 2.jpg Este artigo é sobre um(a) VENCEDOR(A)

Ganhar medalha de ouro é rotina, pô!

Veja outros campeões aqui.


Terra Nostra foi um puta novelão de sucesso das 8 exibido entre 1999 e 2000, no lugar de Suave Veneno e substituído por Laços de Família, outro puta novelão das 8. Escrito por Benedito Ruy Barbosa, com a musa Ana Paula Arósio no papel principal.

Índice

EnredoEditar

Basicamente o amor de Giuliana e Matteo, bem à la novela das 6 mesmo, e os primeiros imigrantes italianos a pisar na Ilha de Vera Cruz vindos de navio (pois na época ainda não haviam inventado o avião).

Giuliana é uma italiana que imigra com a família para o Brasil no início do século 20. Seus pais morrem no navio durante a viagem, vítimas de peste, mas não a negra, afinal a novela se passava no início do século passado, mas a moça não está sozinha. Conhece e se apaixona por Matteo, outro imigrante, que encontra em Giuliana a mulher de sua vida. Ao desembarcar no porto de Santos, os dois se separam no meio da multidão e se perdem um do outro, e aí, tudo pode acontecer...

Giuliana é recebida por Francesco Maglianno, mais um imigrante italiano que há anos vive no Brasil e tem uma situação econômica estável. Grande amigo dos pais de Giuliana, ele a protege em nome dessa amizade. Seu filho, Marco Antônio, é um bon vivant (nome chique para vagabundo) que muda seu comportamento ao se apaixonar pela moça. Mas a mulher Janete, que casou contra a vontade, despreza os italianos e faz o possível para evitar um romance entre o filho e a bella ragazza; isso mesmo: ela é a grande vilã dessa história.

Enquanto Giuliana se estabelece na mansão dos Maglianno, na Avenida Paulista, em Sampa city, Matteo é levado com outros italianos para trabalhar como colono nas plantações de café do fazendeiro Gumercindo Arranha. Com o fim da escravidão, Gumercindo ficou sem mão de obra para as lavouras e contratou imigrantes, que substituem os escravos. Casado com a "amélia" Maria do Socorro, é pai de duas filhas: a impetuosa Rosana nas Alturas e a tímida Angélica, que não vai de táxi porque na época ainda não existia.

Angélica sonha ser freira, mas é obrigada a se casar com o advogado Augusto, um rapaz que ama a política e as mulheres. Augusto mora com a esposa na fazenda e banca uma casa em São Paulo para a amante, a bela italiana Pau-Rola (ah, se ela descobre...). Ao descobrir esse relacionamento, Angélica põe um fim no caso e fica amiga de Pau-Rola. A partir daí, Angélica torna-se uma mulher forte e decidida, destacando-se na administração da fazenda de seu pai.

Já Rosana nas Alturas não resiste ao charme de Matteo e, inventando uma gravidez, obriga o rapaz a casar-se com ela, apesar de ele repudiá-la e sonhar em reencontrar Giuliana. Os dois se casam, têm um filho, mas são infelizes nessa união, pois Matteo traçou a mulher errada. Matteo abandona a mulher e parte para São Paulo no encalço do verdadeiro amor de sua vida.

Contudo, Matteo nem desconfia que Giuliana espera um filho seu e que casou-se com Marco Antônio por não ter mais esperança de encontrá-lo. Ela dá à luz um menino que, para sua infelicidade, lhe é tomado dos braços na noite do parto por Janete, que não aceita um neto italiano. Desesperada e sem o filho, Giuliana rompe com os Maglianno e sonha em reencontrar Matteo e seu bebê.

E todo aquele dramalhão que só as novelas das 8 e 9 podem nos proporcionar.

ElencoEditar

O resto, que foi citado neste artigo, só para que você se enteireEditar

  • Francesco - Raul Cortez
  • Pau-Rola - Maria Fernanda Cândida
  • Marco Antônio - Marcello Antony
  • Janete - Ângela Frieira
  • Gumercindo Arranha - O César Khoury de Amor à Vida
  • Maria do Socorro - Débora Duarte
  • Rosana nas Alturas - Carolina Castigue
  • Angélica - Pomba Duarte (ou você pensava que era mesmo a apresentadora do Angel Mix?)
  • Augusto - Gaybriel Praga Nunes

Trilha sonoraEditar

Volume 1Editar

Capa: Giuliana
Contracapa: Matteo

Foi o 1º CD de novelas a vir com as letras das músicas.

  1. Tormento D'Amore - Agnaldo Rayol e Charlotte Church, na época com apenas 13 anos (tema de abertura)
  2. O' Sole Mio - José Augusto
  3. Comme Facette Mammeta - Toquinho
  4. La Signora di Trent'anni Fà - Emílio Santiago
  5. Luna Rossa - Caetano Veloso
  6. Come Le Rose - Mafalda Minnozzi
  7. Malía - Sandy & Júnior
  8. Non ti Scordar di Me - Paulo Szot feat. David Marcondes
  9. Pô-te-porrei: Lacreme Napulitane/Vurria - Zizi Possi
  10. Funiculì Funiculà - Família Lima
  11. Santa Lucia Luntana - Jerry Adriani
  12. O' Surdato Nnamurato - Netinho
  13. Canzone Per un Sognatore - Marcus Viana
  14. Outro pô-te-porrei: Cavaleria Rusticana/Tarantella/Tosca - Marcus Viana & Transfônica Orkestra

Volume 2Editar

Capa: Maria Fernanda Cândido e Raul Cortez, em tom de sépia

  1. Nós se Amamos Noi Ci Ammiamo - Maria Fernanda Cândido e Raul Cortez (que coisa, não!?)
  2. Maria Dolores - Alexandre Flores
  3. Um Amor Puro - Djavan
  4. Sancta Maria - Andrea Bocelli con Academia Nazionale di Santa Cecilia
  5. Canzone Per Te - Roberto Carlos
  6. Você é Meu Destino - Rodrigo Faro (isso mesmo que você leu, Anônimo.)
  7. Cuore Pellegrino - Roberta Lombardi
  8. Tous Les Visages D'amour (She) - Gilbert
  9. That's Amore - Dean Martin
  10. Mamãe Bahiana - Chris Aflalo
  11. Vai se Chamar Saudade - Antônio Fagundes
  12. La Maestà il Sabià (A Majestade o Sabiá) - Roberta Miranda e Chitãozinho & Xororó
  13. Me Pede Pra Ficar - Carla Castro
  14. Espinhos no Coração - Camila Titinger
  15. Tormento D'Amore - Marcus Viana & Transfônica Orkestra

Tema de AberturaEditar

Compositores: Pedro Barezzi/Marcello Barboza/A. Scarpellini/Luiz Schiavon

Martirio
Tormento d'amore
Il delirio fa parte del cuore
Un pianto bagna la bocca
È tanta la voglia di trovarti

Dove sei la fantasia?
La nostalgia, la mania
I miei occhi turbati
Dal sole, dal vento
Il tuo viso sereno
L'incanto che mancanza mi fai

CuriosidadesEditar

  • Foi a novela que consolidou de ver a carreira de Ana Paula Arósio, por duas razões principais:
  1. No ano anterior, Arósio havia estrelado a minissérie Hilda Furacão, na qual ela se esfregava em Rodrigo Santoro, e
  2. a atriz estava super em alta também por conta de um comercial que estrelou para a Embratel, lembra?   Faz um 21!  .
  • Tamanho foi o sucesso de Terra Nostra que na época a Adria lançou uma linha de massas (macarrão, toupeira!) tudo com a marca da novela, pois havia também aquele núcleo dos cozinheiros, que eu esqueci de mencionar no começo do artigo, mas como ninguém se lembra mesmo...
  • Tamanho foi o sucesso de Terra Nostra que Benedito Ruy Barbosa, superempolgado (ou não) com os 1048576 pontos noitários que a novela dava, lançou em 2002 a continuação de Terra Nostra, Semelhança DesEsperança, mas se fodeu bonito, pois essa continuação fracassou porcamente;
  • Tamanho foi o sucesso de Terra Nostra que o saudoso Casseta e Planeta fez, como com todas as tramas das 8 à época, mais uma paródia superengraçada chamada Teta à Mostra.

Ver também:Editar