Shitpost

Images2332.jpg

Este artigo é sobre mais um daqueles trecos que viraram modinhas na internet.
E as pessoas nem sabem porque usam isso.

1centavotriste.png Shitpost não serve pra porra nenhuma!

Se você estiver disposto a perder seu tempo com esta porcaria, vá em frente. Só que não venha reclamar dizendo que perdeu tempo, senão a chapa esquenta, morô?!

Cquote1.svg Você quis dizer: Cheetos? Cquote1.svg
Google sobre Shitpost
Cquote1.svg Um acervo histórico !!! Cquote2.svg
Memeiro sobre Shitpost
Cquote1.svg Eu sou com certeza melhor do que isso... Cquote2.svg
Humor negro sobre Shitpost
Cquote1.svg mAs crItiCaRu meU K-PoP Xd! Cquote2.svg
Guria retardada sobre Shitpost

"Fodasse", uns dos memes mais doentios e engraçados que estão em febre na internet.

O shitpost, sendo traduzido ao pé da letra pela bela linguagem merda-lusitana (conhecida também como língua portuguesa ou aportuguesado) de "Merdapublicação", é, segundo o bulinado Mark Zuckerberg, postagens (OH, sério?) que não possuem nenhum sentido. Parecem ser mais publicações de cunho idiota e crítico-social por partes de grupos doentios chamados de "memeiros", ou basicamente ditadores de Adolf Hitler. Em resumo, são memes, publicações, comentários e fotos com um contexto, (é claro) excelentíssimo por parte de seus criadores, em um tema étnico-cultural com base no humor, sátira, memificação de coisas que deveriam ser sérias e distorção de imagens para planos de Dominação Mundial.

No âmbito de sátira e humor, os shitposts são uma etapa de criação por parte dos vagabundiados impróprios humanóides, os quais, por sentirem que sua existência os prova o sentido da vida, além de ouvirem funk e Lil Peep e usarem fotos de personagens de anime com um contexto humilhante, sabem criar imagens com textos sem graça baseados nos ensinamentos do filósofo Aristóteles. Muitos deles, juram que tem outra coisa pra fazer além de ficarem dias e dias sendo tóxicos e engraçadinhos na internet.

Qual o nosso lema? Desordem e desprogresso!

Com seu cavalo alado e seu arco e flecha, o shitposter progride nas camadas da internet fazendo merda nenhuma, e provando que os seus pais constatemente choram no banho ao verem o filho rindo de memes que criticam grupos sociais da internet como os otakus, fãs de K-Pop e Ana Maria Braga, que também são uma merda.

Juntos, esses seres místicos demonstram a natureza real do ser humano, a resposta de que um dia o Planeta Terra vai estar ocupado demais por estar produzindo shitpost. Prepare-se para se aventurar em mais um dos cantos da internet, no qual nos provam que esse cenário pode ser mais constrangedor do que parece.

Origem, ascensão e queda pós-ascensão (?)Editar

Desde quando você não sabia somar 1+1, e obviamente ainda não sabe essa ditadura geração, também chamada de: Geração X (velhinhos): nascidos entre 1960 e 1980 (atualmente com 40 a 60 anos). Geração Y (milenar, os adultos (Ui!)): nascidos entre 1980 e 1995 (atualmente com 25 a 40 anos). Geração Z (Yes bitch this is us): nascidos entre 1995 e 2010 (atualmente com 10 a 25 anos). Geração Alpha (os pequenininhos, cute cute): nascidos a partir de 2010 (atualmente com até 10 anos), ou para os mais preguiçosos, que gostam de um resumo e que pularam todas as anteriores, somos a geração Y, a da internet (Ai meu Deus. É elaaaaa!).

Dando um backup de informações, a internet nos proporciona os mais variados tipos de conhecimento, como coisas que nem os Aliens do Acre tem acess. Isso mesmo, como você acha que conheceu a Desciclopédia? E como cada doença palhaçada tem seu início, o shitpost é uma delas que, é claro, tem história pra contar.

OrigemEditar

 
Óleo sobre tela de um shitposter. Note em como as suas características são únicas e deploráveis.
 
O shitpost cresceu não só no Brasil ou no norte das Américas, podemos perceber isso pela marca dos boludos nessa imagem.

Acredita-se que o shitpost tem uma longa história, até mesmo que ele surgiu em uma época onde não se sabia quem eram os editores, South America Bostas, aqueles aplicativos merdas que servem pra postar vídeos inúteis nos status como o Kwai e etc.

Isso mesmo, ele se originou no Rostolivro. Segundo historiadores, o shitpost surgiu em uma época muito distante, em 2010 no Facebook, quando a sua mãe e os mais antigos nerds jogavam joguinhos podres que tinham uma rotina de progresso zumbi como Social Empires, FarmVille e PetVille. Como pode ver, Mark Zuckerberg gostava bastante de joguinhos que tinha como objetivo central a colheita e manutenção de fazendinhas. O shitpost teve sua primeira origem nos Estados Unidos. Na verdade, parece que tudo o que tem relação à Internet veio da grande potência mundial (embora eles utilizem isso criando joguinhos de bloco).

  Nossa sério que veio de mim? Gente, to passado, chocado.  
Estados Unidos sobre origem do shitpost.

Como se já não bastasse o fato de terem inventado essa badalhoca, o shitpost antes de ser "amado" pela maioria do seu público, muitas vezes não era lá aquelas coisas que eram muito notáveis na época como os joguinhos podres que Mark havia inventado e outras porcarias que os jovens usavam pra se entreter, como gravar um vídeo fazendo contorcionismo e mandar pro ICarly do tipo "Uau! sou um esquisitão espaguete aparecendo na TV!". Acontece que o shitpost, assim como as outras grandes maiorias de coisas fajutas que foram inventadas por jovens em épocas antigas, acabou sendo moldado com o passar dos tempos, muitas vezes adquirindo características próprias de acordo com o contexto, ou seja ele pode ser:

  • Uma merda.
  • Engraçado (dependendo do nível de QI e criatividade do produtor)
  • Sem sentido, se você notar algum "meme" que esteja falando merda com merda nada com nada, pode ter certeza que é um shitpost
  • Sua natureza em si costuma ser surreal e fora de padrão, ou seja continua a mesma coisa do que é sem sentido, isso o que os diferencia dos memes, enquanto o meme insiste em sua repetição eterna e que perde totalmente ou não tem a graça, o shitpost se caracteriza pela "não-repetição" e o incomum.
  • Ofensivo, alôôu?
  • Aleatório, você está navegando como um unicórnio feliz na internet quando OMG! Um shitpost misturando Jair Bolsonaro e as Winx com uma frase dizendo: A corrupção prevalecerá.

AscensãoEditar

 
Essa é a logo de um filme curta-metragem, aqui temos um exemplo claro da mistura toda fudida, a sinopse é porra nenhuma e o video dura 1 minuto e 16 segundos.

Como se o grande fracasso mundial e arrependimento dos antigos memeiros já não bastasse, a queda em relação a focar somente em imagens ou personagens de games mal-editados no Youtube Poop foi uma das grandes responsáveis (além de jovens problemáticos, é claro) para a ascensão e proliferação do shitpost. Mas como assim o YouTube Poop foi um dos fatores que fizeram com que essa doença da internet se espalhasse? A resposta é simples: O shitpost foi uma das vertentes do YouTube Poop, não só por vir de um público infantil e demente, mas também por causas que transformaram esse local algo "novo" para os poopers. Já conformados com a então "evolução" de imagens mais destorcidas e a abrangência de outras coisas completamente sem sentido no YouTube Poop, esses vagabundos jovens propagaram a produção de algo não visto, o que era pra ser uma desgraça e incomum como algo engraçado, e é claro que como as pessoas da época tinham miolo podre na cabeça acabou entrando na moda. Tá, mas o que o YouTube Poop tem haver com o shitpost? Shit=poop. Não entendeu? Ambas as palavras tem significados e "traduções" iguais. A comédia presente nas imagens varia de acordo com o tipo de humor, os mais inúteis variados personagens usados nos shitposts são: Mario, Sonic, animais de vários desenhos animados, personagens de jogos e séries, e no Brasil, é claro como eu poderia esquecer, tem tudo o que tem direito e mais um pouco.

Além de toda essa historinha, os recursos de edições ficaram cada vez melhores, o que proporcionou um impulso bem melhor nas edições que, embora tenham recursos favoráveis, os shitposts continuaram uma bela desgrama obviamente, com imagens embaçadas e sem sentido, porém é visível que isso é uma escolha dos produtores. Em sua maioria, os shiposts alcançaram pico mundial entre os anos de 2015 a 2019, mais precisamente entre esses anos, 2017, onde os seres humanos criaram memes em que os mesmos eram incluídos de maneira triste e humilhante, basicamente como sendo bad-boys, digo, sad boys. Voltando para o shitpost, o YouTube possui uma gama de canais inúteis de humor sobre poop, e olha, que coincidência, são nesses canais onde podem ser encontrados os maiores acervos culturais e históricos sobre YTPBR (basicamente vídeos mal-editados e com o som baseado em estouros de cordas vocais dos personagens), não viu um? Bom, se você quer saber algo mais além da compreensão humana, assista esse aqui. Foi o primeiro YTBPBR feito pelos brasileiros, há mais de 12 anos. Ah, te recomendo uma cirurgia no ouvido pós-vídeo, porque pode te aterrorizar.

  10 anos... É incrível perceber que assim como a tecnologia, videogames, medicina, ciências, o YouTube Poop também evoluiu. Começamos nisso aí, e agora comparando com o que os poopers alcançaram, é impossível dizer que isto se transformaria em uma comunidade gigante. A segunda maior do mundo. Fico profundamente feliz em tentar fazer parte disso, e em ver que com mais que haja obstáculos, os poopers sempre serão unidos, e sempre haverá mais e mais pessoas entrando nesse grupo. Ao pesquisar YTPBR no YouTube, você verá que a toda hora tem alguém defecando, embora a maioria das fezes virtuais sejam aquelas que se parecem mais com um líquido do que um cocô propriamente dito. Finalizando, parabéns a todos nós, e vida longa ao YouTube Poop Brasil.  
Pooper ancião se esbaldando em lágrimas sobre primeiro vídeo do shitpost

  Aff...É só uma repetição e uma coisinha no final. Eu sei que é o primeiro YTPBR, mas eu não curti.  
Shitposter novato sobre primeiro vídeo do shitpost

  O que eu tô fazendo aqui ?  
Você sobre sua vida

Nasce o primeiro YTPBR. Tão primitivo, tão natural em suas falhas, tão único.

Depois da "glória"Editar

 
O Ear Rape é o som estourado no vídeo, mas as pessoas tem a sã consciência de que isso vai foder os seus timpanos.

Não existe uma queda pós-ascensão do shitpost. Pode-se até dizer que estamos vivendo esse período, agora só saber se essa doença vai cair daqui até descobrirem o que acontece com um ser humano quando ele é sugado por um buraco negro. Mas isso já não é mais meu trabalho, tá bom? Brincadeira, o período de pós-ascensão é na verdade a época de 2019 até aqui. A frequência de aumento de criações e postagens desse gênero só aumentam, ou muitas vezes normalizam. Em geral, os shitposts aparecem nas redes sociais (Duhhhhhhhh) mais frequentemente usadas pelos usuários da Internet e tem postagens de vários cunhos. Se você veio até aqui pra querer saber que finalmente o shitpost teve um fim, eu lamento dizer porque a cada dia que passa os dementes que criam isso só aumentam. E essa não é a única má notícia, estamos vivendo uma época em que até você pode ser um shitposter (Ah, vai me dizer que você nunca postou um daqueles "memes" sem sentido?). A única boa notícia é que tolerar esses seres ficou cada vez mais fácil. Sim, basta você ignorar e pronto.

Contexto de um shitpostEditar

 
Crítica comum entre shitpost acerca de gurias retardadas que amam o K-Pop. Note que a repetição da risada é incomum e chega mais a ser um shitpost crítico-social.
 Lá está você, em mais umas daquelas redes sociais totalmente medíocres que os jovens insistem em usar mesmo sabendo que serão oprimidos. Somos filhos escravizados desse modo de sofrimento, desse regime, no qual indubitavelmente você sabe que será atingido, eles estarão lá, para postar algo que não te agrada, que fará tua retina dilatar, as montanhas mover-se-ão pela tua raiva que se multiplicará com a passar de cada postagem de merda. O que seria então o contextual de une Messege de merde? Se depararás tu em alguma rede social, como qualquer uma daquelas, em exemplo, a rede social Twitter, ande feliz e receba a dor, seja a dor e receba a nulidade, pois como eu sempre digo e a única coisa que sei dizer: Viver é sofrer e sobreviver é encontrar um significado no sofrimento. Resista contra suas postagens, resista contra suas mensagens, não sinta vida para se doer, sinta dor para resistir. Seja o que eles mais temem, a ignorância. E acima de tudo, aguente. O que não te mata só te deixa mais forte. 
Friedrich Nietzsche em sua obra Análise de um shitpost e desventuras acerca da Internet.'

O contexto de um shitpost é, em sua natureza mais essencial, algo incomum e "engraçado" de acordo com os nerdões e gordos de 180 quilos que vivem no porão da sua mãe e se consideram os espertalhões e criadores desse acesso cultural. Segundo esses fedidos e com bases em exemplificações e estudos recentes, o contexto de um shitpost não é nada mais nada menos do que imagens embaçadas e com predefinições que fazem o leitor saber do que se trata a "imagem" muitas vezes dita como aberração. Como explicado em tópicos anteriores, as características do shitpost te fazem se questionar por que a humanidade ainda não foi extinta, pois um shitposter tem como objetivo criticar, meter um foda-se, e ridicularizar qualquer comentário antes do seu. Você pode ver que shitposters aumentam mais a sua força quando criticam grupos sociais da Internet principalmente. Grupos de padrões estereotipados totalmente dementes e bregas como o K-Pop são alvos comuns desses ataques. Muitos perfis de chupação de saco aos chamados ídolos das gurias retardadas sofrem com esses ataques constantes.

O "ataque" e derrota por parte daqueles que odeiam o shitpost, foi o fato de que ele é bastante exaltado nas redes sociais. O seu público comum (jovens que são analfabetos e que ainda passam por um período de puberdade), mesmo que não muito maiores, tem capacidade mental o suficiente pra produzir shitpost, e, por incrível que pareça, a sociedade que é atacada pelos mesmos, parecem rebater com diversas formas, entre elas podemos destacar mandar um shitpost que rebata e anule a postagem anterior, memes estúpidos e sem graça que também rebatam a afirmação anterior e ignorando-os. O mais engraçado é que, os shitposters querem fazer o mal com o nenhum-sentido, e como muitos usuários ainda se acham princesinhas sensíveis, isso funciona. É como os filósofos e poetas atuais falam: "O sujo querendo falar do mal lavado.", e não é atoa mesmo não, como já sabemos, simplesmente nada faz sentido na Internet, você se depara com uma guria retardada defendendo seu ídolozinho Xing Ling Long Ping, enquanto do outro lado da competição temos um participante que usa foto de qualquer um desses atletas como Neymar ou Messi.

AfluentesEditar

 
Mictório posando em foto para fins de produção "importante". Note que a sua forma tem um pingo de Chernobyl e um pingão de anormalidade. Sacou a piada?
  • YouTube Poop: Uma das principais dessa lista. É como se o "poopost" não viveria sem o famoso YTPBR, provável câncer global, inventado há 14 anos atrás, no qual um jumentóide achou que seria uma boa ideia pegar um vídeo comum e sem qualquer contexto, ficar repetindo suas imagens e sons, e pronto, entrou na moda porque obviamente ninguém sabia o que fazer da vida. Se você acha o shitpost engraçado, acho melhor procurar uma terapia agradecer aos poopers pioneiros, ou shitposters velhotes porque é o berço da decepção mundial.
  • Cultura dadaísta KKKKKKKKKKKKKKK: A que ponto chegamos. Bom, se você quiser saber o que é a cultura vai visitar o artigo porque isso daqui não é publicidade nem nada, mas como se relaciona ao shitpost, senta que lá vem história. O dadaísmo foi um surto coletivo denominado como "arte" pelos pintores renomados do século XX, o que era pra ser arte se tornou, uma relação sem pé nem cabeça ao shitpost. Acontece que pra quem não sabe, o dadaísmo é um dos movimentos mais sem sentido e defeituosos já criados pelo ser humano. Mas primeiro, o que é a arte? Segundo eles, o dadaísmo devia ser algo que prestasse, no qual a sua essência e aparência é muito mais do que parece. Sendo assim, o que o shitpost deveria mostrar? A estranheza e doença na sua forma pura. Se o dadaísmo é algo sem sentido, porque não associá-lo ao shitpost, então?
  • Chans: Os chans, são sites, canais e fóruns anônimos, onde servem pra falarem de assuntos, um tanto quanto diversificados: animes, séries, jogos e histórias. É como uma rede igual a deep web, mas pode ser tenebrosa se muito usada. Eu tô falando sério, até porque se você quer caos, é lá mesmo, você pode falar o que quiser mesmo não sendo cadastrado, e é ai, meu caro amigo, que a palhaçada começa. Se você abrir um tópico nesse regime social, tá pedindo um caos encarnado. Tópicos abertos sobre assuntos determinam absolutamente tudo, podem haver (olha só) imagens que fazem sentido ou não ao tópico. Sim, é aqui que o nosso amiguinho shitpost entra, já pode chorar. Embora sejam muito, muito, muito antigos mesmo, ainda existem alguns chans no Brasil e em outras partes do mundo. Foram lá inclusive, os primeiros índices de shitposts criados, como o "Get out of /jp/.", as letras inseridas entre as barras querem dizer o país ou até site que foi postado, ou também querem dizer se foi um colaborador anônimo, no caso /jp/ quer dizer: Japão, ou terra dos otakus dementes.
Alguns sites de chansEditar
 
"Get out of /jp/" foi um dos primeiros shitposts publicados e quer dizer "Sai fora daqui". Uns dizem que seu produtor é anônimo (/jp/), enquanto outros dizem que foi um otaku demente chamado Sai. Publicado pela primeira vez em 2 de março de 2009(de acordo com algumas pesquisas, o shitpost foi feito para zoar um time que existe desde 2008 (/jp/) do campeonato americano de otakus 4chan, de pro evolution soccer). Ver personagem da foto: Marisa Kirisame.
Nome do site Ano de origem Características País Curiosibostas
2channel 30 de maio de 1999 (kkk) O primeiro chan criado no mundo. Seus usuários são basicamente os ancestrais pela popularização do shitpost. Agradeça a eles. Japão. O site passava de 15.000 visitantes por dia e cada tópico tinha umas 1000 postagens por anônimos. Dá pra acreditar?
BRchan 2005 a 2006 Possivelmente criado por um lolicon, não era bem organizado (obviamente) e suas postagens podiam vir de qualquer cunho. Sim, eles podiam postar fotos adultas. Brasil (Não me diga) Foi o primeiro chan brasileiro e depois desse vieram muitos mais sites chans brasileiros, comunidades novas e alguns eram criados com propósitos memeiros
4chan 1 de outubro de 2003 Site criado para fins de imageboard (Fóruns de discussão anônimos). Criado por Christopher Poole. Atualmente é o site chan mais famoso. Estados Unidos Frequentado por esquisitões nostálgicos, inclusive primeiros indícios do grupo Anonymous e de fãs da Xuxa Mano É Gel.
55chan 12 de agosto de 2007 Segundo chan brasileiro. Tentaram criar vários outros sites obviamente, mas como a maioria dos chans brasileiros eram mantidos por macacos, muito deles saíram de ar. Preciso te dizer? Fanbase e users vindos de chans brasileiros antigos, apesar de existirem é claro os novos users, no qual conseguiram tornar o site mais doentio com memes e shitposts do fundo da bolsa e que já estavam mofados.

Público atraenteEditar

Talvez seja bem óbvio qual seja o público principal em questão. São jovens "geralmente" menores de 18 anos, ou era pra ser por que ainda hoje nos deparamos com adultinhos imaturos que ainda fazem postagens inúteis querendo ser engraçados, o que os faz na verdade, passar vergonha, assim como todos os outro públicos menores de idade. Embora ainda estejam em um período de puberdade crescimento psicológico e físico, o público mais comum do shitpost abrange até mesmo os mais pequenos, isso inclui os que riem de piadas de pum, e falam WhatsApp como zap zap, sim, essa linguagem dá muita raiva e você sabe o porquê. Embora muitos memes sejam atuais e diferentes de épocas distantes como a Pré-história, muitas pessoas vivem em uma época de underground, ou "abaixo da superfície".

Classificação biológicaEditar

Bostaposters: A mesma lenga lenga que a maioria dos públicos principais do shitpost, até porque eles são o público. Ninguém sabe o real propósito de controle mundial que esses grupos escondem. Devem fazer por humor, talvez. A maior parte do seu público é composta de: humoristas sem graça, adultos que ainda assistem As Meninas Superpoderosas, crianças que jogam Free Fire e adolescentes que choram por não terem barba, totalmente assolados da vida. Se não quiser encrenca, não fale nada com eles, ou fale, a menos que você tenha idade mental forte o suficiente pra contra-atacar. Classificados como: Doentalios post, são o primeiro grupo mais doentio e ridículo dessa lista.

Poopers pioneiros: Os mais velhos da lista, eles exigem respeito, embora não considerem isso. A maioria dessa família provem de coisas lá pros anos 2000, sim, eu estou falando dos chans da vida. Embora sejam os melhores, os criadores e os pioneiros dos shitposts, eles já estão aposentados, considerem o respeito aos mais velhos tá bom? Classificação doenlógica: Poopairus pionairus

  Pode nos deixar como últimos da lista? Aliás, é por nossa causa que o shitpost sobrevive, e se tornou o que é por causa desses jovens imaturos que não souberam aperfeiçoar a nossa técnica.  
Um pooper pelo visto pioneiríssimo sobre lugar na lista de ridicularidade

Inclusos: São os atrasadões do pedaço, aquelas pessoas que ainda utilizam fax pra passar mensagens, carta via coruja e etc. Não podemos esquecer é claro dos rage comics, quem ainda usa aquilo dali é considerado habitante do Acre das camadas mais antigas da Internet, fora aqueles grupos do Facebook, que ainda tem um atraso mental em relação aos memes. Sua classificação biológica é : Inclusitus atrasadus in internete, são o terceiro grupo mais ridículo dessa lista.

O shitpost no BrasilEditar

 
Dedo no cu e- AAAAAAAAAAAAAAAAA.

"Quem não é visto, não é lembrado", já dizia o ditado. E como toda a vida brasileira importa (sim, sim, até a sua), os habitantes do nosso país, glorioso, majestoso, afundado em dívidas e infrações, nossos bondosos jovens insistem em criar pérolas, e se deliciar com suas aberrações postagens inúteis. Como todo brasileiro não se cansa de passar vergonha (e sempre procurar algum meio) e de copiar os Estados Unidos (opa!), nossas populações contam com um estilo de vida cotidiano diferente e com um pingo de humor elevado, com suas postagens aristotélicas, e que com certeza vão mudar a sua nota no Enem, ou fazer o nosso país progredir pra frente (não imagina, vai progredir pra trás). Enfim, vamos direto ao ponto, o shitpost no Brasil não presta obviamente é bem mais avançado que os dos Estados Unidos e outros países como Argentina (boludos), Japão e até mesmo a Rússia que só serve pra fazer regimes políticos e borscht, rsrsrs. A criação de shitposts no Brasil começou há muito tempo e ainda vai existir a grandes séculos, pra sua sorte eles vem da toxicidade astuta (xingamentos como gado demais) de muitos grupos do Facebook e comunidades doentes derivadas. O mais normal quando se fala sobre um shiposter brasileiro, é que eles copiam muitos estadunidenses, e se você tava se achando o fodão por fazer parte do povo brasileiro, te enganaram a vida inteira. Tendo em vista que o shitpost tava em febre nos Estados Unidos, a macaquice brasileira decidiu copiá-los por completo. Muitos adolescentes dizem que foi pra melhor, mas eles juram que não haviam jogado fogo livre e comido bosta de cavalo no dia anterior.

  O melhor do Brasil é o brasileiro  
Câmara Siri Cascudo sobre frase clichê sobre brasileiro

Shitposts brasileiros famososEditar

 
Pré-criação chernobylica com a mistura de corpos

Quem viu sabe que não é fácil apagar a memória das terríveis imagens que aparecem na internet, só quem viveu sabe o tanto de porcaria abestalhada que uns filhinhos da mãe fãs de Goku Meto No Teu Cu enviam. Bom, se por acaso você chegou aqui, eu lhe apresento a mais incrível, seleção natural por junção de orgãos da Turma da Mônica, com autoria de users velhotes do Facebook, mas fodasse, quem liga?

Turma Do Troca-Troca Da MônicaEditar

O começo dessa porcalhada foi no Facebook. Acontece que uma moça (kkk) jovem e coitada foi querer compartilhar suas alegrias na internet, detalhe, ela gosta de shitpost. No meio de todo esse restinho de aborto, ela criou um grupo de shitpost da Turma da Mônica (imatura e fã de merdapost, o que esperar?) e é claro que todos os ogros se juntaram e flanqueram o grupo. Mais de 50 mil fãs bebezões do pedofilinha Maurício de Sousa atacaram a garota, com apelidos muito fortes, extremamente agressivos e violentos: feminista, gayzista, gordista, machista, golpista, fascista, racista, artista, assista, autista, avista, bairrista, baixista, banhista, basista, batista, bolsista, budista, cambista, centrista, chargista, ciclista, classista, consista, contrista, copista, corista, cronista, czarista, dentista, desista, despista, exista, farrista, fascista, flautista, florista, frentista, fundista, grevista, harpista, insista, invista, jurista, legista, lobista, lojista, machista, marista, marxista, modista, nazista, niilista, nortista, nudista, papista, passista, paulista, persista, prevista, purista e o melhor disso tudo é que você pulou todos os xingamentos usados contra ela, seu anti-sentimentalista >:(.

 
Eu achei a edição no Cascão digo, a edição no CasMôCãoCa a melhor das 5, e você?

Os resultados foram catastróficos, e a junção das partes maiores dos personagens (estou falando dos braços e pernas, seu safado!) ficaram tão lindas quanto o seu chifre após você descobrir que a sua namorada te traiu com um boneco de vitrine.

Gado D+Editar

A melhor das melhores, indicada ao Oscar e Prêmio Nobel de piadas.

  Hahahahahahaha és gado demais, ó ser humano sobrevivente de um ataque pelas costas pela(o) sua(eu) namorado(a), vamos a humilhar-te  
Um humorista sem graça sobre Piadinhas de cornos

 
Kkkkkkkkkk olha esses malucos.

  OhOhOhhOHOhoho, vou zoar esse cara chamando ele de Gado D+. Saca só galera, o bovino macho com advérbio de adição em excesso, vamos zoar ele.  
Você sobre como passar vergonha na internet

Sonic dando 'legal'Editar

A sociedade gaymer também colabora nos memes estourados, o do Sonic é um dos mais compartilhados, com produção na puta que te pariu. A maioria é baseada em conselhos do Sonic, algumas teorias malucas e: Se você beijar uma mulher, você automaticamente é gay pois está beijando o espermatozoide que gerou aquela mulher, um clássico.

ConclusãoEditar

Chegamos na reta final, e por todas as pessoas que odeiam esse câncer, por favor, não poste e não enalteça essa babaquice, ninguém merece isso e nem você. Albert Einstein dizia: "Feliz é aquele que mete o fodasse", então fodasse! Pare de passar vergonha e vá trabalhar!

Alguns shitpostsEditar

Nota: o trecho seguinte está "compactado" de modo a despoluir visualmente o contexto da página toda.

Coringa e Katy Perry

Relâmpago Marquinhos corno

Coringa e Katy Perry cantam com voz de Bob Esponja.
Relâmpago Marquinhos esmaga Mate e Sarry Carrera.

Will Smith bugado

Caranguejos Dançando

Você foi banido pelo Will Smith.
Isso não é o que você está pensando.

Se você gosta de shitpost, experimente ainda:Editar

E não se esqueça, se estiver com raiva, espanque um shitposter, o que ele vai fazer? Usar um meme do Sonic debochando em 157 línguas diferentes?