Abrir menu principal

Desciclopédia β

Queda livre

O gato está vivo.png Este artigo é relacionado à física.

Não estrague este artigo, ou você vai sentir os elétrons saindo do fio-terra!



Queda livre bem sucedida.

Cquote1.png Você quis dizer: Servidor da Desciclopédia Cquote2.png
Google sobre Queda livre
Cquote1.png Aaaaaaaaaaaaaaah... Cquote2.png
Alguém sobre queda livre.
Queda livre o nome já diz, é alguém caindo de livre e espontânea vontade. As primeiras criaturas a praticar isso, foram as mariposas, ao entrar nas residências em busca de luz, durante a noite(quem procura a luz durante o dia é monge). Como as coitadinhas são cegas, suas antenas ficam totalmete bêbadas (e existe meio bêbado?), e as guiam para quedas livres excelentes, por sorte elas têm um corpo duro, bem diferente de suas asinhas (suas e delas), e sobrevivem a muitas quedas livres. As quedas se tornaram tão conhecidas que todos os outros bichos tentam imitar as mariposas.

DesenvolvimetoEditar

 
Treino para queda livre.

Depois que as mariposas ensinaram, começou-se a fazer cálculos das quedas, entrando pela Física, pela queda da borsa, do dólar, de skaytista, de le parkour, de suicida, de tudo que caísse livremente. E isso propiciou grandes avanços, como a venda de colchões infláveis, asas delta, para-quedas, caixões.

Quedas realmente livres devem ser voluntárias. O lesado indivíduo (ô palavrinha) deve sentir algo percorrendo seu corpo e lhe provocando aveadados arrepios, deve suspirar para melhor sentir, deve se estufar todo (mas não é um balão que depois vai cair), deve fazer uns passinhos de balé e entoar alaridos afinados. Depois disso estará pronto para se lançar, da latura que desejar, por sinal quanto mais alto melhor, a queda livre dura mais e fica mais veloz.

Durante a queda livre, alguns conseguem agarrar coisa no ar, mas nunca são agarrados, como o caso dos Caçadores de ovnis. Não só eles pegam coisas ao cair, alguns se jogam e pegam medo de altura. Quedas livres tendem a tornar uma pessoas mais corajosa enfrentando seus medos, caso sobreviva. A libertação das quedas foi muito anterior a da escravatura, e a Princesa Isabel aquela safada leva tanto crédito, enquanto que quem libertou as quedas, sequer é lembrado. Os físicos tentaram fazer da queda livre algo importante, mas a verdade é que a maioria dos estudantes nem quer saber muito dela, a não ser que quiserem também, ser professores de física físicos (e espirituais), ou forem suicidas. Os suicidas dão ótimas quedas livres, mas muitas vezes só podem fazer uma única vezinha.

Proibições sem sentidoEditar

 
Um típico insensível, proibidor das quedas livres.

As quedas livres muitas vezes são proibidas por motivos que em nada acresccentam à arte e à poesia. Veja por exemplo o guarda insensível, que quer impedir a queda livre do Pica Pau. outros insensíveis, não gostam que as mariposas e outros mnosquitos abençoados pratiquem queda livre pelo leviano motivo de que eles podem cair na comida, como se isso não enriquecesse a refeição com mais proteína, além de toda a beleza do pulo e mais ainda, claro, da queda.

Muitas criaturas já protestaram contra essas proibições sem sentido, inclusive os suicidas, que querem apenas dar ao mundo um espetáculo que o valha, quando escolhem a queda livre como seu aliado. A esperança é que o homem evolua o suficiente para aceitar toda e qualquer tipo de queda livre, tomando assim o exemplo das águas que caem livremente, inclusive para tirar a sujeira dos corpinhos que uma hora sendo ou não em queda livre vão cair e se tornar pelancas.

Medir tambémEditar