Abrir menu principal

Desciclopédia β

Pecado Capital

Nota: Não "seje" idiota! Esse artigo fala sobre uma novela onde homens se beijam de língua. Se estiver procurando pelo sentido literal da palavra, consulte pecado capital com letra minúscula porra!.
Rede-GROBO.png PLIM! PLIM! Este artigo é uma coisa da Rede Globo de Manipulação! Esta página pode estar mencionando alguma novela clichê que sua mãe gosta, algum pseudo-ator rouaneteiro ou algum comunista de boteco que se diz jornalista. Para mais coisas relacionadas ao Projaquistão, clique aqui.


Cquote1.png 'Dinheiro na mão é vendaval...' Cquote2.png
Só Pra Contrariar sobre essa novela.

O logotipo dessa bagaça e seu protagonista, que também adora brincar com carrinhos.

Pecado Capital foi uma novela das 18h da tarde escrita por Glória Perez e exibida pela Globosta de 5 de outubro de 1998 a 8 de maio de 1999, entrando no lugar da pirralhada remelenta de "Era Uma Vez..." e sendo substituída por "Força de Um Desejo".

Índice

SinopseEditar

Conta a estória de um taxista que acha uma maleta com dinheiro num assalto, e abre uma frota de táxis com a bufunfa. Há também a mocinha que o come, mas falaremos melhor sobre toda essa gentalha mais a seguir.

Quem é QuemEditar

  • Carlão (Du Moscovis) - o tal taxista da novela. Iria ajudar o pai doente com o dinheiro do assalto que achou em um carro, mas ele foi zoião e preferiu abrir uma frota, danando-se pro papi. Estampa o CD nacional da novela;
  • Lucinha (Carolina Ferraz) - vadia de Carlão no início, mas se torna a top model Lucy Jordan e acaba se envolvendo com um cara que tem idade para ser seu avô pai. Está na capa do CD internacional;
  • Salviano (Francisco Cu Oco) - o veio que pega Lucinha, quando ela desencana de Carlão. Líder do movimento industrial, é o típico milionário que vive sozinho até conhecer a nossa heroína, e a lança nas passarelas. Também tem 6 filhos, todos com os nomes começando com V;
  • Eu, Nice (Cássia Não Kis Magro) - uma das assaltantes do dinheiro que Carlão encontra, e também tem um caso, mesmo ele amando Lucinha. Peraí, essa mulher tem idade para ser tia dele, não tem?
  • Raimundo (Roberto Bomfim) - o pai moribundo de Carlão, que é negligenciado pelo próprio filho. Não lembro se ele morreu ou não no último capítulo, mas foda-se, ninguém vai lembrar mesmo;

E outros personagens que ninguém conhece.

Trilha sonoraEditar

NacionalEditar

  1. Pecado Capital - Só Pra Contrariar (abertura)
  2. Juventude Transviada - Luiz Melodia
  3. Shake Boom - Vinny
  4. Pra Poder te Amar (Não Deu Pra Segurar) - Martinho da Vila
  5. Mercedes-Benz (citação: I Say a Little Prayer [Bacharach/David]) - Edson Ovelhinha
  6. Sábado à Noite - Cidade Negra e Lulu Santos
  7. O Gosto do Azedo (ao vivo) - Rita Lee
  8. Timoneiro - Paulinho da Viola
  9. Pierrot - Marina Lima
  10. É Preciso Saber Viver - Titãs
  11. Sem Essa de Malandro Agulha - Zeca Pagodinho
  12. El Día Que Me Quieras - Luis Miguel
  13. Quando Parei no Sinal - João Nogueira
  14. Não Se Esqueça de Mim - Nana Caymmi e Erasmo Carlos

InternacionalEditar

  1. Feelin' (Love to Infinity remix) - Gloria Estefan
  2. I Want to Know What Love Is - Tina Arena
  3. In Assenza Di Te - Laura Pausini
  4. Whenever You're Near Me (Whenever You're With Me) - Ace Of Base
  5. The Boy is Mine - Brandy e Monica
  6. The Rockafeller Skank - Fatboy Slim
  7. What Can I Do - The Corrs
  8. You Belong to Me - Kivi Treet
  9. Careless Whisper - Tamia
  10. We Live - Bosson
  11. If You Could Read my Mind (Stars on 54) - Ultra Naté, Amber e Jocelyn Enriquez
  12. Days Over Days - Union of Souls
  13. I Love You - Debelah Morgan
  14. Stand By Me - 4 The Cause
  15. To Make You Feel My Love - Roy Driftwood
  16. Dolannes Melodies (Flûte Pan) - Due Angeli

Tema de aberturaEditar

Dinheiro na mão é vendaval, é vendaval
Na vida de um sonhador, um sonhador
Quanta gente aí se engana
E cai da cama com toda ilusão que sonhou
E a grandeza se desfaz
Quando a solidão é mais
Alguém já falou

Mas é preciso viver
E viver não é brincadeira não
Quando o jeito é se virar
Cada um trata de si
Irmão desconhece irmão
E aí, dinheiro na mão é vendaval
Dinheiro na mão é solução
É solidão

CuriosidadesEditar

 
Tua mãe desencoraja seções de curiosidades, mas nós não ligamos a mínima! Sob as políticas da Desciclopédia
Mas bem que esta seção pode ser aproveitada integrando-se piadas decentes às seções mais adequadas.
Cada curiosidade pode render uns bons parágrafos, então faça direito!


  • Essa novela na verdade foi o remake de uma novela de mesmo nome exibida entre 1975 e 1976 com o mesmo nome e os mesmos personagens, escrita por Janete Clair;
  • Francisco Cuoco também fez o Carlão na versão original;
  • A novela original foi um grande sucesso, ao contrário desta versão, que flopou perfeitamente. Nem mesmo o público do Viva a quis de volta, quando o canal ameaçou reprisá-la.

Relembre a novela:Editar

Se tiver coragem de assistir o vídeo todo até o final, claro.

Ver também:Editar