Abrir menu principal

Desciclopédia β

Operation Spirit (The Tyranny Of Tradition)

Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg

Babel fish.gifTraduzindo: Operação Espírito (A Tirania da Tradição)
Babel Fish sobre Operation Spirit (The Tyranny Of Tradition)
Cquote1.svg Você quis dizer: Melô do Ateísmo Cquote1.svg
Google sobre Operation Spirit (The Tyranny Of Tradition)
Cquote1.svg Curti o som do REM! Cquote2.svg
Você se confundindo
Cquote1.svg E quem não ouve muita cosia sobre algo? Cquote2.svg
Você

A história dessa música começa lá atrás quando Edward Kowalczyk, um homem que só queria tocar rock por causa do sexo e das drogas grátis que teria, e porque queria ser o cara no estilo com o sobrenome mais complicado de se falar (apenas com muitos anos de treino mental e psicológico nos dojos mais famosos do Japão Feudal que alguém consegue falar “Kowalczyk” sem se confundir). Então, após comentarem num boteco nas vielas do Pênis da Silvânia da Pensilvânia que sua voz era mais ou menos parecida com o vocalista do REM, Michael Stipe, ele resolve montar uma banda chamada Live. Após a mídia dizer que eles só fariam músicas ao vivo pra fazer jus ao nome, eles resolvem quebrar a cara da mídia, fazendo um álbum de estúdio chamado Mental Jewelry. E, pra 1ª música que tocaria nas rádios, escolheriam Operation Spirit (The Tyranny Of Tradition). Como o nome era complicado e os locutores americanos prezam pela praticidade e preguiça pra falarem rápido pra ninguém entender nada, encurtaram pra Operation Spirit, e por assim mesmo ficou. Após confirmarem que não era um som novo do REM, finalmente conseguiram ficar famosos ali.

Índice

A música em siEditar

Um nome onde cabem milhões de interpretações e confusões. Pra começar, a 1ª vem dos países Lusófonos, onde o nome, em português, fica Operação Espírito (A Tirania da Tradição)”, corriqueiramente confundido com “Operação Cupido (A Tirania da Traição)”, que seria um nome extremamente sem noção. Se ficasse só “Operação Cupido”, a música seria um daqueles filmes onde 2 crianças tentam juntar 2 adultos só pra se apaixonarem e ganharem presentes em dobro com isso. Se ficasse só “(A Tirania da Traição)”, poderia ser uma cinebiografia do João Gordo criada, dirigida e produzida por Dado Dolabella, mas também teriam muitos filmes assim, ou seja, com a confusão e separação dos nomes, dariam filmes melhores que músicas. Mas, foco na letra: Na 1ª parte, parece que ele está de saco cheio de tantas fofocas e factóides sobre ele, e assim, resolve começar a rezar pra ver se Deus consegue dar aquela força pra ele pra se livrar do mal olhado, mas, as preces aparentemente não dão certo, então, começa a esculachá-Lo na 2ª parte da música, de saco cheio da não-ajuda dele (muitos que acham que Deus resolverá todos os seus problemas ao invés de dar um jeito sozinho pra resolvê-los se frustram no final. C’est la vie. Talvez por isso o ateísmo cresceu tanto). Por causa disso, a Sociedade Religiosa ficou revoltadinha com essa música, pedindo a censura. Se fosse na época do Feudalismo, eles até conseguiriam, mas, como a Igreja tá sem poder, influência e “mete-medismo”, não conseguiram nada. Bom pra banda, que já tinha música tocando nas rádios.

LetraEditar

OriginalEditar

Heard a lot of talk about the ocean
Heard a lot of talk about the sea
Heard a lot of talk about a lot of things
Never meant that much to me
Heard a lot of talk about my spirit
Heard a lot of talk about my soul
But i decided that anxiety and pain
Were better friends
So i let it go

Did you let it go?
Let's get it back.
Let's get it back together.

Heard a lot of talk about this Jesus
A man of love, a man of strength
But what a man was two thousand years ago
Means nothing at all to me today

He could have been telling me about my
Higher self
But he only lives inside my prayer
So what he was may have been beautiful
But the pain is right now
And right here

(4x)
Let it go!
Let it go!
Let it go, my friend
And let's get it back
Aet's get it back together

Tradução:Editar

Ouvi falar muito do oceano
Ouvi falar muito do mar
Ouvi falar muito de muita coisa
Nunca significou muito para mim
Ouvi falar muito sobre meu espírito
Ouvi falar muito da minha alma
Mas decidi que ansiedade e dor
Eram amigos melhores
Então deixei isto ir embora

Você deixou isto ir embora?
Vamos pegar de volta
Vamos pegar de volta juntos

Ouvi falar muito desse tal de Jesus
Um homem de amor, um homem de força
Mas o que um homem foi a dois mil anos atrás
Nada significa para mim hoje

Ele poderia falar-me sobre meu lado melhor
Mas ele apenas vive nas minhas orações
Então o que ele foi pode ter sido bonito
Mas a dor é agora, é aqui mesmo

(4x)
Deixe ir embora!
Deixe ir embora!
Deixe ir, meu amigo
E vamos pegar de volta
Vamos pegar de volta juntos

"Tradução"Editar

Ouvi um monte de falar sobre o oceano
ouvi um monte de falar sobre o mar
ouvi um monte de falar sobre um monte de coisas
que nunca significou muito para mim
ouvi um monte de falar sobre o meu espírito
ouvi um monte de falar sobre a minha alma,
mas eu decidi que a ansiedade ea dor foram melhores amigos
assim que eu deixá-lo ir

se você deixá-lo ir?
vamos recuperá-la.
Vamos recuperá-lo juntos.

ouvi um monte de falar sobre isso Jesus
um homem de amor, um homem de força,
mas o que um homem foi há dois mil anos
não significa nada para mim hoje
ele poderia ter me dito sobre meu ego mais alto,
mas ele só vive dentro de minha oração,
para que ele foi pode ter sido bonita,
mas a dor é agora e aqui mesmo

vamos que vamos!
vamos que vamos!
deixá-lo ir, meu amigo
e vamos recuperá-lo,
vamos recuperá-lo juntos

VejamosEditar

Todos nós ouvimos falar cada coisa sobre algo. Acho que, uma das milhões de metas da música é esculhambar os fofoqueiros, mas ele perde o rumo e começa a esculhambar Deus porque estava com raiva, mas, é aquilo: ninguém é bom o bastante pra Ele, mas também pode ser que Ele quer mandar todos nós pra foder com a vida do Tinhoso de uma vez por todas, já que ele nunca viu uma geração tão boa pra isso. Talvez Sua missão é mandar todo mundo pro Inferno, que vai sofrer Macrocefalia Urbana e Deus (se é que ele existe) vai dominar o Universo sozinho...