Abrir menu principal

Desciclopédia β

Manawatu-Wanganui

Capital de Manawatu-Wanganui.

Manawatu-Wanganui é uma região da ilha do norte da Nova Zelândia cheia de vinhedos, serrarias, ovelhas e, claro, árvores. Na época era a terceira região mais habitada pelos Maoris da ilha do norte com 3% de sua população localizada aqui.

Linha do tempoEditar

Muitas coisas aconteceram desde a época em que James Cook descobriu esse amontoado de terra insignificante que logo se chamaria "Nova Zelândia", Zelândia de "Zero" mesmo. Enfim, o que não faltou foi colonizadores estranhos e doidos para morarem aqui.

  • antes de 1700: 3% dos Maoris habitavam a região, supõem-se que em 1750 todos os que moravam aqui tenham se mudado ou para Auckland, ou para a ilha do sul, ou para a Austrália e se converterem ao Aborigenismo.
  • 1820 - 1840: Uns dois carinhas com nomes estranhos se mudam para um lugar melhor de vez.
  • 1841: Um idiota, digo, bilionário compra 40 mil acres de terras de Manawatu-Wanganui por 20 reais e enquanto estava bêbado muda o nome da região para "Dick's port bay"
  • 1850: O primeiro organizador de colônos chega trazendo 20 gatos pingados para habitarem Manawatu-Wanganui, eles pedem para sair e vão para Auckland viver uma vida normal de colono.
  • 1860: O idiota que comprou os 40 mil acres perde tudo em um jogo de canastra, a terra é dada para um Francês que acaba vendendo por 2 francos os 40 mil acres para um bispo.
  • 1861: O bispo começa a derrubar algumas árvores para criar a capital de Manawatu-Wanganui, ele acaba sendo atacado por Kiwis, aquelas aves sem pernas e vem a falecer, um dinamarquês tenta fazer o mesmo mas fica com tédio e desiste.
  • 1900: a grama cresceu demais e dois mendigos habitam a região, só isso.
  • 1940: Uma estação de trem é fundada aqui, o lugar recebe o nome maori de "Manawatu-Wanganui" ou "fim da linha". O lugar é constantemente atacado por Kiwis e é fechado.
  • 1945: A Nova Zelândia força alguns caipiras a se mudarem para Manawatu-Wanganui.
  • 1946: A região recebe o nome de "Fim da linha", ou em maori "Manawatu-Wanganui".
  • 2005: A terceira maior tragédia acontece em solo neozelandês, uma chuva pesada atinge Manawatu-Wanganui. Em 20 segundos o problema é solucionado e todos voltam a suas vidinhas
  • 2011: Chega o primeiro computador a Manawatu-Wanganui.

TurismoEditar

Não se tem como ganhar turismo aqui, provavelmente porque a região parece uma mini-cópia do País de Gales cuja economia é baseada em balsas, ou seja, a região só serve como uma ponte entre a ilha do norte e a ilha do sul, mesmo assim as pessoas normais ainda podem usar um avião para ir para a outra ilha, por isso todos estão indiferentes com essa ideia de balsa.

Se houvesse novelas neozelandesas provavelmente essa região, por ser naturalmente vazia e desabitada, seria um lugar onde a paixão brotaria ou em que alguém morreria por uma versão psicopata do Jason.

FlorestasEditar

Nada a comentar, ocupa 99% do território de Manawatu-Wanganui, os outros 1% são as "cidades" da região.