Abrir menu principal

Desciclopédia β

Intermarium

Międzymorze, перешийок, sąsmauka, пярэсмык
Confederação Polaco-Ucraniano-Lituano-Bielorrussa e qualquer país dos Bálcãs ou meio da Europa
União Polaquiética anti-russa
Bandeira
Brasão
Bandeira Brasão
Lema: Tentem invadir agora!Bando de Nazistas e Comunistas desgraçados!
Hino nacional: Remove Kebab Polonês (Aviso: O compositor fumava ópio!)

Localização de União Polaquiética anti-russa

Capital Varsóvia(executivo), Kiev (legislativo), Vilnius (judiciário) e Minsk (poder moderador)
Cidade mais populosa A que tiver mais gente vivendo nela!
Língua Polonês, Ucraniano, Bielorrusso, Lituano e Mais de 8000 (oficiais)
Religião oficial A de cada povo membro.
Governo República Monárquica militarista confederada
 - Generalíssimo Imperador Presidente Fuhrer Camarada Provavelmente o Pilsudski e seus filhos
Heróis Nacionais Pilsudski, Petliura e etc.
Área  
 - Total Boa parte da Europa km² 
 - Água (%) De norte a sul teria bastante
Analfabetismo Depende de cada língua 
População Mulheres bonitas e gostosas, velhinhos ranzinzas, tiazonas da escolinha, padres sanctos, colonos alemães com suspensórios e chapeuzinhos, rabinos fazendo macumba talmúdica nas sinagogas, anarquistas vagabundos e trocentos soldados. 
PIB per Capita 9999999999999 
IDH 9999999999999 
Moeda Borsch, Pierogui, Cerveja de Milho e Batatas!
Fuso horário Varia em cada região
Clima Depende da previsão do tempo
Website governamental Nenhum


TimedaPolônia.jpg Artykuł ten jest polska!

Intermarium joga The Crims e Tibia todo dia, não sabe pronunciar seu próprio nome de 250 consoantes, enche a cara no bar de leite, adora checar putas, não pode ir pro espaço e odeia comunistas.
Se você vandalizar, Marie Curie vai lhe mandar pro Corredor Polonês!


Radioatividadegdrg.jpg
TANZEN!!!

Este artigo vem da Ucrânia. Seu autor morava em Chernobyl, idolatra Ruslana, Shevchenko e Verka Serduchka, e NÃO É RUSSO!
Serduchkaa.jpg


Cquote1.png Eu me cago de medo disso existir algum dia! Cquote2.png
Rússia sobre Intermarium
Cquote1.png Eu também! Cquote2.png
União Européia sobre Intermarium
Cquote1.png Aí sim piá!Aí sim!Até caiu os meus pinhão e o leiTE quenTE aqui! Cquote2.png
Algum polaco do Paraná sobre Intermarium
Cquote1.png Isso aí, tá apoiado!Sem mais guerra entre povos brancos irmãos!Mas e daí que o Hitler queria germanizar a Polônia, matou eslavos e ruivos e foi contra a trégua de Natal na Primeira Guerra Mundial?A coerência que se foda!Vou tatuar uma suástica no meu rabo!Heil Odin!Valhalla ou nada! Cquote2.png
"/pol/aco" sobre Intermarium
Cquote1.png Heim??? Cquote2.png
Você depois de ler citação de cima
Cquote1.png Lixo! Cquote2.png
Nazbol sobre Intermarium
Cquote1.png Deixei a minha pátria com vocês, e o que fizeram?TRANSFORMARAM EM UM LIXO, UM COCOZÃO! Cquote2.png
Rothisevski Stepan Bandera sobre Intermarium

Intermarium, Międzymorze em polonês ou Comunidade Polaco-Lituana 2.0 - Eletric Boogaloo, foi um país proposto pelo general Zezinho Pinto-de-Ski em alguma Wiki de História alternativa por aí, que incluiria boa parte da Europa Oriental e talvez da Central, sendo o projeto original uma mera confederação de futebol entre Polônia,Ucrânia, Bielorrússia e Lituânia.

Motivos que levaram a essa fanfic geográficaEditar

Tudo começou lá em 1300 e pouco com a aliança Polaco-Lituana, quando a pagãozada dos países bálticos se converteu a fé católica e se juntaram aos poloneses contra a Ordem Teutônica. Aí depois de uma era inteira apanhando feio dos países vizinhos a polacada ficou revoltada, e decidiram fazer seu país great again grande de novo.

Com a tomada de poder pelos comedores de criancinhas na Rússia em 1917, o general Pilsudski começou a desenhar num ábaco o mapa desse país enorme, que serviria como um cordão sanitário, pra impedir as bostas que os bolcheviques soltavam no Rio Volga e iam direto pros países vizinhos, incluindo posteriormente o cadáver de um judeuzinho ucraniano pilantra que dava uns pegas na Frida Kahlo e morreu no México picaretado por um miliciano privado em um estalar de dedos.

Por que a ideia não foi pra frente?Editar

Devido as contribuições exigidas para formar esse novo estado os povos aliados, neutros, possíveis membros da federação e a boa vizinhança em geral da Polônia reagiram da seguinte maneira:

  • Ucranianos: O pessoal da Galícia foi o que mais se empolgou no começo, mas como não queriam abandonar o alfabeto cirílico nem o rito católico ucraniano (porque tinham preguiça de aprender latim e polonês) acabaram por desistir (não existia Duolingo na época). Fora que consideravam a culinária dos vizinhos como uma cópia barata da sua com outros nomes, e estavam cossacos cheios de serem sacos de pancadas também.
  • Lituanos: Ficaram animadinhos também, já que sempre foram amigos dos poloneses, ou não, na real era uma história de "frenemigos" entre tapas e beijos, igual Espanha e Portugal. Apesar de serem próximos culturalmente desistiram do plano também, porque achavam que a seleção de basquete ia ficar uma porcaria e as cervejas de milho seriam estragadas pelos ingredientes estrangeiros.
  • Bielo-russos: Tinham pouca consciência nacional mas também não queriam se juntar numa mega entidade política com outros povos. Fora que os homens não gostaram nada da ideia dos marmanjos ao lado cobiçando suas mulheres, que até hoje são as eslavas mais gatas, já que eram um meio-termo genético entre poloneses, russos e ucranianos.
  • Estonianos: Tavam ocupados demais tentando se juntar somente aos seus irmãos Finlandeses num novo Império Fino-Úgrico-Mongol.
  • Finlandeses: Mesma coisa que os de cima + a aversão dos outros ao Black Metal.
  • Letões: Não queriam dividir suas produções de batata, leite e porquinhos com mais ninguém, a não ser com os Irlandeses.
  • Sérvios, croatas, bosníacos e a galera dos Bálcãs em geral: Ocupados demais se matando entre si ou contra os turcos. Não é a toa que a Iugoslávia foi uma piada que foi longe demais!
  • Italianos: Já tavam divididos entre si mesmo depois da unificação (Terrones contra Polentones), imagina se juntar com uma porrada de grupos com pouca coisa em comum!Além do mais não suportariam terem suas produções de vinho esgotadas e as outras nacionalidades colocando Abacaxi em cima da Pizza e cortando macarrão pra comer.
  • Austríacos: Tavam traumatizados demais com o fim do Império Austro-Húngaro pra pensar em uma nova união.Outros já queriam uma união com a Alemanha.
  • Húngaros: Mesma coisa que o de cima + o mesmo dilema das mulheres que afetava os bielo-russos.
  • Tchecos: Nesse caso foram os outros países que protestaram contra a adesão destes, já que tornaria Intermarium o maior puteiro a céu aberto da Europa na época, superando até mesmo a República de Weimar.
  • Eslovenos, eslovacos e países do Cáucaso: Ninguém se importava com eles.Foram os últimos a serem coloridos no mapa.
  • Ciganos: Apesar de não terem um país próprio foram hostilizados por todos, principalmente os Romenos, já que elevariam as taxas de criminalidade a níveis do Rio de Janeiro (segundo todos os outros povos). Além do mais previram por bola de cristal que não ia dar certo.
  • Judeus: Também não formavam um estado na época. Estavam divididos. Os judeus ateus, sobretudo anarquistas e comunistas ficaram putos com o plano e queriam mais que a URSS matasse geral sem dó nem piedade. Os assimilados seculares até que gostaram, contanto que pudessem casar com gentios, controlar os bancos e a mídia bem como abrirem suas "lujinhas" em paz e vender seus produtos.Os que viraram cristãos gostaram também, contanto que os grupos anteriores não escravizassem todo mundo e eles acabassem pagando o pato nos pogroms.
  • Tártaros da Crimeia: Chegaram a formar um estado na época que durou 1 ano antes do exército vermelho acabar com eles. Como eram parentes dos turcos preferiam ver o Império Otomano botando o resto pra correr, exceto os ucranianos, que tratavam eles com carinho e ursinhos cor-de-rosa.

Ver tambémEditar