Ilhas Virgens Britânicas

Cquote1.svg Você quis dizer: Ilhas Lésbicas Britânicas Cquote1.svg
Google sobre Ilhas Virgens Britânicas
Cquote1.svg Like a Virgen Cquote2.svg
Madonna sobre Ilhas Virgens Britânicas.

Ilhas Virgens Britânicas é a região dinamarquesa britânica das Ilhas Virgens.

HistóriaEditar

Descoberta e fundada pelo trilhonário e esbanjador Richard Branson, as Ilhas Virgens Britânicas são a atual sede da Virgin Records Manufactors e lar de músicos aposentados.

A região é a única onde há piratas do caribe nos dias atuais, que abusam do mercado da gravadora para vender seus CDs piratas e,m uma concorrência desleal.

A colonização das ilhas foi feita por músicos das mais diversas convergências musicais que somam tanto escoceses e suas gaitas de fole como africanos e seus batuques divertidos.

O objetivo das Ilhas Virgens Britânicas é conquistar o mercado musical mundial vendendo CDs a 70 reais de bandas como Sex Pistols, Simple Minds, Led Zeppelin, Ramones, Guns n' Roses e qualquer outra banda inglesa que exista. As músicas da Virgin Group são peculiares por que são interessantes e deleitosas de se escutar apenas uma vez, após isso a música não é mais virgem.

Recentemente as Ilhas Virgens Britânicas foram vítimas de uma febre endêmica perigosa chamada de RBD. Felizmente as autoridades competentes desenvolveram uma vacina eficiente que imunizou a população contra esse vírus (o México negocia essa vacina com o governo virgem britânico).

DemografiaEditar

As Ilhas Virgens Britânicas é a Hollywood da música. Todos seus habitantes sabem tocar ou cantar alguma coisa, nem que seja um apito ou Chuin Chuin Fun Flais.

EconomiaEditar

Em virtude da lucratividade no negócio das gravadoras estar cada vez mais em decadência, a Virgin Group tem atuado em novos ramos desconexos como transportes aeronáuticos (Virgin AirLines), livros (Virgin Books), faqueiros (Virgin Knifes), juros e muita roubalheira empréstimos (Virgin Money), vodka (Virgin Jeremias) e obviamente virgens (Virgin Virgins for Great Pleasure).

CulturaEditar

No território, como bons metaleiros (como os próprios se entitulam) é permanentemente proibido escutar qualquer porcaria que advenha dos Estados Unidos. A cidadã mais ilustre, casualmente, é Susan Boyle conhecida internacionalmente pela voz e feiúra.