Davie504

Bass.jpg Davie504 pensa que é BAIXISTA!

E sabe que quem usa palheta é fresco!



Se não fosse por eles, os outros integrantes ficariam perdidos.

Davie504 (em italiano se pronuncia DaviCinquezeroquatro) é o maior youtuber italiano da história. Não apenas por ter literalmente dois metros de altura, mas também por ter quase dez milhões de inscritos, feito considerado quase impossível pra um youtuber que não seja brasileiro ou americano. Apesar dos memes que posta todos os dias em seu canal, os quais lhe fizeram ascender até o posto de Pewdiepie italiano, Davie está no YouTube com a missão de mostrar para o mundo o verdadeiro poder do baixo, um instrumento que durante muitos anos foi ignorado por todos, mas que graças a Davie agora continua sendo ignorado, só que um pouco menos.

HistóriaEditar

 
Já sabemos de quem Davie herdou o talento para o baixo

Davie nasceu em Savona, uma cidadezinha da Itália que ninguém nunca nem viu ou ouviu falar em 1995. Começou a tocar baixo apenas com 16 anos, antes disso já tinha tentado tocar vários outros instrumentos tais como piano, xilofone, campainha, maionese e pizza, mas nunca realmente se interessou por nenhum deles. Mas tudo mundo quando ele pode testemunhar o verdadeiro poder do baixo em um show do Red Hot Chilli Peppers no qual Flea inspirou o jovem Davie a seguir seus passos. Não demorou muito pra que o garoto comprasse seu primeiro contrabaixo, e graças aos seus dedos longos e sua mão gigante, grandes vantagens na hora de tocar ("tocar" em todos os sentidos...), Davie conseguiu aprender a grande técnica secreta do slap, e em pouco tempo já tinha dominado o instrumento com maestria tocando sem errar músicas de bandas consideradas complicadas como Dread Hot Red Hot, Victor Wooten, Primus e Ramones.

Canal no YouTubaEditar

Uma vez que já tinha habilidade do bastante para aparecer na internet sem passar vergonha, Davie criou o seu próprio canal no YouTube, Davie504. O porquê do "504"? Ah, sei lá! Só sei que no começo seus vídeos eram os mais simples possíveis: ele gravava a si mesmo tocando punheta no quarto com uma Tekpix e depois simplesmente dava upload sem um mínimo de edição. A princípio ninguém assistia, mas aí ele começou a caprichar nos títulos e usar bons e velhos clickbaits (que nesse caso não eram clickbaits, pois ele realmente tocava bem, mas a intenção era a mesma) como "Extreme Bass Solo" ou "Hardest Bass Solo EVER!!!" e graças a isso conseguiu minerar boas visualizações em alguns vídeos, o suficiente pra ele ter um incentivo pra finalmente usar um software de edição, colocar tas e comprar baixos novos acima de R$ 200.

 
Em troca de views, Davie cometeu o pior pecado que um italiano pode cometer: comer pizza de abacaxi

Durante muito tempo ele permaneceu sendo apenas mais um baixista fracassado que tentava ajudar os outros com tutoriais e vídeos explicativos, mas aí ele percebeu que a maioria do público do YouTube não tá nem aí se você sabe fazer um solo que use slap, triplets, tapping e aquelas viadagens todas. Eles querem mesmo é ver memes idiotas e bazingarias, tanto é que o vídeo onde Davie toca o tema do Piratas do Caribe teve mais views que quase todos os outros juntos. Para mostrar o mundo o verdadeiro poder do baixo, ele deveria antes de mais nada atrair a atenção de todos se tornando um memelord. E assim, aos poucos os vídeos sérios foram dando lugar ás bazingarias, os clickbaits e os vídeos de listas (mais um procedimento sacana que Davie descobriu para farmar visualizações) e com isso Davie finalmente conseguiu passar dos sonhados 100mil inscritos e ter uma média de likes decente. O próximo passo foi copiar aquela modinha idiota de cortar coisas e desafios nos comentários tendência em 2016-2017, que ajudaram Davie a ganhar 1kk de views todo vídeo fazendo coisas imbecis como "tocar" usando Doritos, criar um solo sem usar nenhuma corda ou usando espaguete (mais um estereótipo reforçado só pra ganhar fama, tsc, tsc), viajar para a África só pra tocar a música do Toto, slappear enquanto tenta chupar o próprio pau e etc, etc. Tudo isso um sacrifício necessário para que o baixo ficasse no "Em Alta" e Davie finalmente receber o botão de ouro do YouToba.

Só que depois de ficar ultra-hiper-mega famoso, Davie percebeu que não precisava mais se empenhar tanto pra conseguir views como antigamente, e assim acabou enveredando pelo caminho que todo Youtuber medalhão escolhe: virar vlogger e fazer vídeos de react, mesmo com seu sotaque péssimo de inglês. Não contente com a falta de criatividade, ele levou o nível de plágio para outro patamar quando, na cara dura, resolveu copiar o quadro mais famoso do PewDiePie, o LWIAY, transformando-o no SDAIAY (Some Days Ago I Asked You). E como se já não fosse o bastante, ele infringiu a regra nº1 do mundo dos baixistas só para ganhar uma graninha com a monetização: fazer um vídeo tocando GUITARRA. Isso mesmo, o cara que entrou no YouTube para levar ao mundo o poder do baixo agora faz vídeos tocando GUITARRA e outros instrumentos. E pra azedar o que já tava azedo, ele decidiu recorrer ao método Treta News de fama e fez várias diss tracks pra outros canais de música, como se ele tivesse moral pra defender o baixo depois de o trair com dezenas de outros instrumentos. Que vergonha, Davie.

  Você se tornou aquilo que deveria destruir!  
Obi-Wan Kenobi sobre Davie504

Carreira musicalEditar

Sim, não parece mas Davie também tem uma carreira fora do YouTube e até chegou a se apresentar no Rock in Rio, só que como a fanbase de seu canal é composta por moleques de menos de 15 anos que nunca saem de casa, não tinha nem vinte gatos-pingados assistindo a apresentação. Que pena que não dá pra editar o show ao vivo, né Davie? ¯\_(ツ)_/¯

Veja tambémEditar