Abrir menu principal

Desciclopédia β

Cotton Fields

Carroca1.jpg Enxada-1.png Esti artigu é caipira, sô!! Enxada-2.png

Este tar di artigu pareci caipira, foi escritu purum caipira, ô ele é de fato
CAIPIIIIRRA!!!

Num istraga eli naum, si não nóis crava a inxada pra riba docê!

Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg
Um tema muito "interessante" pra se falar em músicas.

Cotton Fields é uma música velha pra burro escrita por um negão blueseiro estranho ae chamado Huddie Ledbette, ou mais conhecido (?) como Lead Belly, que era mais conhecido por suas estadias na prisão do que pelo talento musical, seja ele qual for.

Índice

História da músicaEditar

A música contava de quando o mesmo Lead Belly era um bebezinho em no sul de Louisiana, a uma milha de Texarkana, um distrito do Texas, e sua mãe, que era uma escrava e trabalhava em campos de algodão noite e dia, mesmo não podendo colher muito algodão nos velhos campos de algodão do lar dele.

A partir dos anos 50, um monte de bandas inúteis como Odetta, Harry Belafonte, The Highwaymen e outros anônimos similares que só quem conhece mesmo são aqueles doentes que vivem pesquisando blues antigos só pra pagar de intelectualoides babacas no Facebook. Mas não fez lá muito sucesso, embora muito velhote daqueles tempos devam ter ouvido muito. E sabe-se lá porque isso acabou despertando a atenção de uma banda de doidos amantes de surf rock...

Versão dos Beach BoysEditar

Não sei porque a Wikipédia em inglês dá tanto destaque a essa versão idiota, já que esses surfistas playboyzinhos de merda da Califórnia do Beach Boys não entendiam nada da vida caipira, sô! Fato é que eles lançaram sua versão em 1969 no disco 20/20 com o NOME ERRADO de Cottonfields e ficou assim mesmo. Me recuso a falar mais alguma coisa sobre isso.

Versão do CCREditar

A banda Revivalismo da Crença das Águas Claras fez a única versão digna de nota aqui. Wikipédia, chupa!

Lançada no disco Willy and the Poor Boys... er, pensando bem, é a merma merda que as outras versões. Só que fez mais sucesso que todas as outras, se tornando um HIT nº 1 no México, onde os saudosistas que ainda lembravam (sei lá como) que o Texas era do México ficavam relembrando os tempos de antes dos EUA se apossarem de tudo.

Outras versõesEditar

Um bando de perdedores como Elvis Presley, Johnny Cash e outros também fizeram versões, mas who cares?