Abrir menu principal

Desciclopédia β

Breaking the Law

Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg

Cquote1.svg Breaking the law, breaking the law!!! Cquote2.svg
Rob Halford sobre assalto a banco, atravessar sinal vermelho ou casar com a própria irmã

Breaking the Law (Quebrando a Lei) é um hit do Judas Priest, cantado por 8 em cada 2 motoqueiros, sendo só menos popular que Freewheel Burning e Turbo Lover deles também, Easy Living do Uriah Heep e a claro insuperável Born to be Wild do Steppenwolf, que supera o recorde por pontos muito acima (mais especificamente 8000 em cada 1 motoqueiros que curtem a única música que conhecem do Steppenwolf).

Essa música do Judas Priest é considerada "rocheda" pelo fato de falar de muita velocidade, drogas e derivados, embora o DETRAN esteja proibindo a audição dela por motoqueiros, por sempre causar problemas para os guardas.

Índice

HistóriaEditar

 
E associando-se ao cão, claro que os metaleiros curtiram.

Rosbife Belford estava correndo a todo vapor com sua moto, quando parou num bar e deu de cara com um cara monstruoso, um gênio, sem dúvidas: Jeremias. Ele ensinou à Rosbife como se dirige uma moto CG 125 sem cair nenhuma vez, mesmo estando com mais de 8 mil de nível de álcool no sangue. Assim nasceu a história de um cabra macho que não tinha medo de quebrar as leis, mesmo que só matasse mil se pudesse.

MúsicaEditar

Original em inglês (que você não vai entender)Editar


There I was completely wasting
Out of work and down
All inside it's so frustrating
As I drift from town to town
Feel as though nobody cares
If I live or die
So I might as well begin
To put some action in my life

Breaking the law, breaking the law

So much for the golden future
I can't even start
I've had every promise broken
And there's anger in my heart
You don't know what it's like
You don't have a clue
If you did you'd find yourselves
Doing the same thing too

Breaking the law, breaking the law

You don't know what it's like

TraduçãoEditar

Violando a lei

Lá estava eu gastando completamente
Sem trabalho e ao longe
Todos dentro estão frustrados assim (sentimental?)
Como eu vagueio de cidade a cidade
Sinto como se ninguém se preocupasse (deprimido)
Se eu vivo ou morro
Assim posso começar
Pôr em ação minha vida

Violando a lei, violando a lei

Tanto para o futuro dourado
Eu nem posso começar
Eu tive toda promessa quebrada (se ferrou, meu chapa)
E há raiva em meu coração
Você não sabe o que é igual
Você não tem uma pista (elementar, meu caro Watson...)
Se você fizesse que você se acharia
Faça a mesma coisa você também

Violando a lei, violando a lei

Você não sabe o que é igual

Problemas com essa músicaEditar

Essa música incentivou muito cachaceiro safado de Caruaru a querer fazer o mesmo que Jeremias, como Leonaldo, Biu Goiaba e Caninha. Além disso, via-se um constrangimento aos guardas e à lei. Veja esse caso:

Guarda: Pare! Desça do carro!
Bêbado: Sim, sinhô!
Guarda: Agora bafore o bafômetro!
Bêbado: Non sinhô, ixo de xoprá eu num fasso noum, xeu fio da puchta!!!
Guarda: Me respeite, seu safado! Quer ir preso, é?
Bêbado: Sabe u qui é? É qui vochê num chabe o qui é igual, violar a lei, violando a lei!!!
Guarda: Hein?
Bêbado: Breikin de lou, breikin de lou!!!!!

Assista o clipe de bostaEditar