Abrir menu principal

Desciclopédia β

Bairiki

Bairiki é a capital do Kiribati. Isso mesmo caro leitor, Kiribati tem capital! Não é incrível?

HistóriaEditar

 
A sofisticada embaixada do Brasil, localizada em Bairiki.

Cidade afundada em 1930 por Tom Hanks, após o naufrágio de seu navio. Ele ficou convivendo por lá em paz com os animais altamente selvagens e carnívoros, entre os quais chimpanzés, leoas e cabras com as quais conviveu amigavelmente, gerando descendentes mutantes que foram expandindo a população local.

Em 1916, britânicos em viagem de férias para o Caribe tomam a direção errada distraídos por índias americanas peladas, e acabam passando por Bairiki. Resultado: introdução de doenças, metade da população dizimado e extinção de baleias. Durante a Segunda Guerra Mundial foram testadas bombas nucleares no vilarejo, o que causou a fúria dos habitantes nativos que comeram os alemães e soviéticos vivos e repartiram suas joias de ouro entre os porcos.

Em plena década de 1970 os ingleses se deram conta da burrada que estavam fazendo dominando aquelas ilhas e fugiram levando suas esposas, seus 300 filhos e suas concubinas. Com isso Kiribati tornou-se independente, e Bairiki foi escolhida como a capital após uma animada partida de truco.

Atualmente é só mais uma desses vilarejos cheios de cocos da Oceania.

Bairiki no idioma local nada mais é do que Me tire daqui, notou como rima?

PolíticaEditar

Bairiki é a sede do governo kiribatense e é governada por Tom Hanks e sua esposa Wilson desde a sua fundação. O website governamental recebe o nome de Bairikipédia.

PopulaçãoEditar

De acordo com o último censo da Guarda Costeira de San Andreas, a cidade é povoada por 40 mil habitantes fictícios e 2 habitantes reais (Hanks e sua bola de vôlei).

A maioria deles fala o gilbertês, idioma do Gilberto Gil.